O final de ano chegou e junto com ele a programação especial das emissoras de TV. A Record, como já é tradição, leva ao ar a “#Retrospectiva dos #Famosos”, nesta terça-feira (27), às 22h30 (horário de Brasília), logo depois do “Jornal da Record”. O aplicativo da emissora, o #Record TV, também exibe o programa especial para dispositivos móveis conectados à internet. A retrô terá duração de uma hora e 45 minutos.

Famosos

Com os milhões de famosos espalhados pelo mundo, assuntos para uma retrospectiva como essa não faltam. Você se lembra de tudo o que aconteceu no mundo dos famosos neste ano de 2016?

Entre os destaques da “Retrospectiva dos Famosos” estão as separações de famosos.

Publicidade
Publicidade

Destaque para o término do casamento de William Bonner e Fátima Bernardes.

Para quem não terminou, houve momentos de ciúme, como quando Ivete Sangalo deu uma bronca no marido e na mulher que conversava com ele durante um show. “Quem é essa, papai?”, questionou a cantora.

Dois mil e dezesseis também foi o ano em que muitos artistas morreram. Destaque especial para o morte do ator global Domingos Montagner, que se afogou no Rio São Francisco depois de um dia de gravação da novela “Velho Chico”.

Polêmicas não faltaram e também serão destaque no programa da Record. O cantor Biel, por exemplo, se envolveu em polêmica machista com uma repórter que o entrevistava.

Ana Hickman, estrela da Record, foi perseguida por um fã, que invadiu o hotel onde ela estava e acabou assassinado pelo cunhado da ex-modelo e apresentadora da emissora paulista.

Publicidade

Como não poderia deixar de ser, a retrospectiva falará também sobre música sertaneja e vai mostrar as cantoras que fizeram sucesso neste ano. A Record costuma dar bastante espaço à música sertaneja.

Hits da música, casos de racismo, polêmicas dos Jogos Olímpicos e muitos outros assuntos estarão entre os destaques da “Retrospectiva dos Famosos”.

Autopromoção

A Record também vai falar de si mesma e do sucesso do filme e do musical “Os Dez Mandamentos”. O longa-metragem vendeu mais de 11 milhões de ingressos e assumiu a liderança dos filmes brasileiros mais vistos no cinema.