O apresentador Silvio Santos vai ser homenageado pelo MIS (Museu da Imagem e do Som) com uma mostra intitulada "#Silvio Santos vem Aí" a partir dessa quarta-feira (7), em São Paulo, onde sua vida profissional será retratada, mostrando ao Brasil um dos maiores ícones da #Televisão brasileira. Segundo o apresentador, a muitos anos atrás, uma vidente norte-americana previu que ele não poderia, em hipótese alguma, conceder entrevista ou mesmo aparecer num filme ou livro, isso implicaria em sua morte. Desde então, ninguém se atreve a incomodá-lo, pois vai levar um sonoro "não". Mas, para a sorte dos fãs do dono do baú, a profecia não se refere a ser homenageado numa exposição fotográfica.

Publicidade
Publicidade

"O pessoal não acredita, mas eu sim. E não vou arriscar", declara o apresentador de 85 anos, dizendo que a vidente não proibiu exposição, só entrevistas, livros e filme. Ele deu entrevista à Folha na terça-feira (29), quando estava de saída do salão do querido amigo Jassa, nos Jardins, onde costuma cuidar dos cabelos e das unhas.

O do Silvio

O MIS já organizou diversas mostras de famosos como a homenagem que prestou ao cantor David Bowie, falecido em 10 de janeiro desse ano e do cineasta Stanley Kubrick. A mostra "Silvio Santos Vem Aí" terá a mesma magnitude, de acordo com o diretor do museu e futuro secretário municipal de Cultura da administração Dória, André Sturm, o dono do #SBT é o nome de maior importância dentro da televisão brasileira, portanto, está no patamar dos maiores.

Publicidade

Além de apresentador, Silvio é um dos grandes empresários do país.

Senor Abravanel é seu nome de batismo, mas adotou Silvio Santos ao se tornar artista, ele ainda é carinhosamente apelidado pelos funcionários e amigos de "Patrão" ou "Homem do Baú", além de outros tantos. Na década de 70, deixou a Rede Globo e partiu para tentar sua própria emissora, conseguindo, depois, manter programas em três emissoras diferente: TVS, Record e Tupi. A mostra busca exatamente indicar a evolução da comunicação no Brasil. Silvio Santos autorizou que os profissionais fizessem uma busca completa em seu baú de lembranças para encontrar fotos e documentos da época. Ele só não permitiu detalhes de sua vida particular.