Ângela Vieira, aos 64 anos anos, está longe de ser uma mulher quieta, e no momento está em cartaz com a peça "Até o final da noite", no Teatro Leblon, onde discute e até interage com o público, sobre duas mulheres completamente opostas. Uma é tradicional, ligada à família, vive para o marido e os filhos, já a outra, mais moderna, tem uma profissão que ama, só pensa no trabalho.

Num bate papo descontraído com o EGO, por ocasião dos ensaios da peça, Ângela aproveitou para dizer qual dos comportamentos mais tem a ver com ela, além de analisar as personagens. A atriz contou que, em breve, completa 65 anos, no próximo mês de março, mas não se incomoda nem um pouco com as rugas.

Publicidade
Publicidade

Casada desde os 50 anos com o cartunista Miguel Paiva, de 67, e sentindo-se cada vez mais viva, garante que eles têm uma vida sexual pra lá de saudável: "Namoramos muito e somos felizes", afirma dizendo que essa coisa de a mulher de 50 anos, antigamente, ser considerada uma vovozinha é passado, hoje pode ser considerada um "mulherão".

Atriz lembra que se imaginava mais velha e pensava como seria sua aparência, mas com a medicina e os recursos que existem hoje em dia, tudo ficou diferente. Os 65 vão encontrá-la com muita energia e juventude. Ângela afirma que fazer sexo depois dos 50, 60, é ótimo, desde que você sinta vontade, e desde que inventaram a 'pílula azul', as coisas melhoraram para os homens.

A global revela que é muito cobrada sobre como se mantêm sempre jovem e como cuida da beleza, e uma de suas dicas é, após os 60 anos, "aceitem as rugas", e diz que fez plástica aos 45 anos por necessidade, visto que trabalha com sua figura e como já disse uma vez: "É melhor a ruga no lugar certo do que o botox no lugar errado".

Publicidade

Para encerrar, ela diz que, além de usar seus cremes de beleza, cuida da pele, sem excessos, e tem medo de ficar como algumas mulheres, escravas de tratamentos estéticos. "Uma hora a ruga vai aparecer e ruga não é problema", garante a morena que não pretende aparentar ter menos idade e afirma que cirurgias plásticas nunca mais. #Relacionamento #Famosos