Quando tudo parecia estar perdido, um rapto de uma criança, há dezoito anos, foi finalmente desvendado pelas autoridades, algo que está fazendo com que os pais de Maddie continuem sonhando com o regresso da sua criança a casa. Tal como informa o site “Correio da Manhã”, um familiar do casal garantiu que a descoberta de Kamiyah Mobley, uma jovem de 18 anos que foi raptada quando nasceu por uma “enfermeira”, fez com que os pais de Maddie pudessem encher novamente seu coração de “esperança”, dando muita força para que eles nunca desistam da sua filha, que desapareceu em Portugal no ano de 2007.

O desaparecimento misterioso e macabro de Maddie McCann, durante umas férias da sua família no Algarve, e a forma como os seus pais lidaram com toda essa enorme tragédia, fizeram com que esse caso, na última década, se tornasse um dos mais midiáticos e dispendiosos na história dos crimes em Portugal, mas também na #Europa.

Publicidade
Publicidade

Passados quase dez anos desde que viram sua filha pela última vez, Kate e Gerry McCann ganharam uma força extra para continuar lutando pela descoberta da sua filha, mesmo que as investigações, por parte das autoridades britânicas, estejam muito próximas do seu final, devido à falta de provas. “É a notícia que eles sonham receber um dia. É prova de que os sonhos se podem tornar realidade”, garantiu muito abertamente um familiar do casal ao jornal inglês “Daily Mail”.

De fato, o aparecimento de Kamiyah Mobley é a prova de que, apesar dos muitos anos que possam passar, os crimes podem ser sempre resolvidos, quando menos se espera. Nas redes sociais, um pouco por todo o mundo, muitas mensagens continuam sendo escritas para os pais de Maddie, desejando que eles continuem com a força necessária para continuar com sua luta e torcendo para que as investigações não terminem dentro de poucos meses, como foi noticiado recentemente pelos órgãos de comunicação sociais britânicos.

Publicidade

Além dos milhões que já foram gastos nas buscas, o caso de Maddie também já foi marcado por muitas especulações, falsas acusações e até processos judiciais, sendo que nenhum suspeito tenha sido detido. #Crime #Investigação Criminal