Larissa Carvalho, uma das melhores repórteres da #Globo News, foi atacada, na madrugada desta terça-feira (17), diante das câmeras quando fazia uma entrada ao vivo sobre a situação do Presídio Antônio Dutra Almeida, em Ribeirão das Neves (MG), após uma rebelião de presos. No momento em a repórter dizia que não havia registro de feridos, uma mulher não identificada saltou sobre a repórter e começou a agredi-la fisicamente. Larissa chegou a cair no chão tamanha foi a força da agressão. Nesse momento, um policial interveio, juntamente com o câmera, para evitar a continuidade da agressão.

No momento da agressão, a repórter fazia uma entrada ao vivo para um jornal da Globo News na edição de meia-noite, O ataque ocorreu por volta de 0h10 desta terça-feira.

Publicidade
Publicidade

Nesse momento, a transmissão da reportagem parou e a imagem voltou para o ancora Bernardo Menezes.

Após alguns minutos de preocupação, Larissa voltou ao ar e explicou que já estava tudo bem. Nessa segunda entrada ao vivo, a repórter estava cercada de policiais para evitar novos ataques.

Ela ainda deixou claro que estava gravando em uma área permitida pelas autoridades. Depois de alguns minutos foi possível entender que a agressora, anônima até então, era parente de um preso.

Larissa, mesmo depois de tudo que aconteceu, mostrou-se profissional e continuou a fazer a reportagem. Ela ressaltou que no local havia uma ambulância de plantão por causa de uma grande nuvem de fumaça que saia de dentro do presidio, o que poderia causar intoxicação de detentos.

A repórter disse ainda que o número de presos é maior que a capacidade máxima do presídio em Ribeirão das Neves chagando ao dobro da capacidade máxima.

Publicidade

Veja logo abaixo o #Vídeo que #Flagra o momento exato em que tudo aconteceu. É possível ouvir vários gritos segundos antes da agressão, mas ainda não se sabe se isso tem ligação com a rebelião. Os vídeos foram postados YouTube.

A agressão a jornalista foi muito comentada no Twitter. Até o fechamento dessa reportagem, a gresso não havia sido identificada.