Um caso vergonhoso de #Racismo expõe o tamanho do preconceito arraigado na sociedade brasileira. A cantora carioca #Ludmilla foi chamada de macaca em um programa de TV ao vivo. O caso aconteceu no início de janeiro, saiba mais aqui.

De acordo com o portal de notícias online do jornal Extra, o apresentador de TV conhecido como Marcão do Povo, chamou a funkeira Ludmilla de macaca, enquanto fazia crítica a postura da cantora em relação aos seu fãs. Ele foi sumariamente demitido da emissora onde trabalhava.

Entenda porque Ludmilla foi chamada de macaca

No último dia 9 de janeiro, enquanto apresentava na TV o jornal "Balanço Geral Brasília", DF, Marcão do Povo, fazia duras críticas a cantora de funk Ludmilla, pelo jeito que ela vem tratando seus fãs.

Publicidade
Publicidade

Na ocasião ele comentava sobre a artimanha utilizada pela cantora para não ser incomodada em um dos seus restaurantes preferido que fica na Ilha do Governador, localizado na Zona Norte do Rio de Janeiro.

Os garçons do estabelecimento afirmaram que Ludmilla pedia que eles não deixassem seus fãs se aproximarem dela e que inventassem uma desculpa para afastá-los, como por exemplo, que estava muito resfriada.

Marcão do povo em um dado momento de sua indignação usou as seguintes palavras: "Não dá pra entender, era pobre, macaca", referindo-se a Ludmilla.

Veja o vídeo do momento em que o apresentador chama a funkeira de macaca:

Imediatamente o comentário gerou um grande mal estar em toda a equipe da TV Record, onde o jornal é apresentado e causou a ira não só dos fãs de Ludmilla, como de todo aquele que não compactua com o racismo ou com qualquer outra forma de preconceito.

Publicidade

Apresentador foi demitido

A TV Record, emitiu uma nota informando que o apresentador Marcão do Povo, já não faz mais parte do seu quadro de funcionários. Informou ainda que estavam vindo a público pedir desculpas para a cantora Ludmilla, para toda sua família, fãs e para todos aqueles que se sentiram ofendidos. A Record ressaltou que repudia qualquer atitude desta natureza e que esta não é a linha editorial de jornalismo pregada pela empresa.

Ludmilla

A cantora afirmou que vai prestar queixa crime por injuria racial e/ou crime de racismo contra o apresentador. "Não deixaremos impunes tais fatos", disse ela no Instagram.

Racismo é crime denuncie. #É Manchete!