Mais uma #Polêmica envolvendo a funkeira #Ludmilla! A cantora participava da procissão marítima em Angra dos Reis, no dia 1º do ano, na Costa Verde do Rio de Janeiro, quando foi abordada por uma pequena fã, uma menina de 11 anos que estava em um barco ao lado do barco onde a cantora se encontrava. A menina teria pedido uma foto junto com Ludmilla, mas a cantora a ignorou.

A garotinha caiu no choro em meio à procissão por ter sido completamente ignorada por Ludmilla

Ao ser entrevistada, Ludmilla negou que seja mal-humorada, antipática e arrogante em várias situações. A cantora se defendeu dizendo: "Sou apenas um ser humano”.

Publicidade
Publicidade

Ludmilla afirma que nem sempre está bem-humorada para atender os fãs, porque é normal como todo mundo, e passa pelos mesmos problemas como TPM, problemas em família ou simplesmente não está se sentindo bem. Citou também que brigas com o namorado podem estragar o seu humor. A cantora namora o produtor Xerxes Frechiani, de quem negou ter se separado após rumores.

Há poucos dias, ao ser abordada por um grupo na praia, Ludmilla disse que seu nome era Kátia. A cena foi filmada e o vídeo circulou pelas redes sociais, causando revolta nos fãs da funkeira, que bem tentou se justificar com uma transmissão, ao vivo, no Facebook, dizendo que ouviu falar em arrastão na praia por conta da sua ilustre presença, mas a justificativa não convenceu muita gente, e a cantora acabou virando meme no Twitter e o nome Kátia foi parar nos trendig topics.

Publicidade

Outra polêmica ainda mais bafônica foi a festa de aniversário de Ludmilla. Na época, a cantora se negou a dar entrevista a Amin Khader e deixou o entrevistador no vácuo. Amin foi extremamente humilhado com a postura deselegante da cantora que afirmou não dar mais entrevistas para ele, por ter inventado mentiras a respeito do relacionamento que ela tem com a cantora Anitta.

Parece mesmo que Ludmilla se envolve em polêmicas por não se importar tanto quanto diz com seus fãs e não respeitar as outras pessoas, do contrário não teria que se justificar sempre.