Madonna se envolve em mais uma polêmica nas redes sociais e dessa vez o motivo é a foto de seus pelos pubianos, onde a celebridade aparece depilada convocando mais de um milhão de #mulheres para uma marcha contra o Presidente Donald #Trump, o ato acontecerá logo após sua posse. A foto da popstar foi compartilhada em seu Instagram mostrando seus pelos pubianos depilados no formato do logo da marca Nike, a famosa marca de materiais esportivos. Ela se refere também ao conhecido logo da marca: "Just Do It!" ("Apenas Faça"- tradução) a cantora reforçou a foto escrevendo na legenda "Siiiiiiiim! Apenas faça!", o clique será exibido na próxima edição da revista Nakid.

Publicidade
Publicidade

A Marcha das Mulheres, não por coincidência, foi marcada para o mesmo dia da posse de Trump, 21 de janeiro, acontecerá em Washington e receberá #Celebridades de peso como, Kate Perry, Cher e a atriz e cantora Zendaya.

Fãs da beldade posicionaram-se nas redes sociais. Muitos apoiaram a cantora com comentários do tipo: "É uma foto linda de uma mulher" ou elogiado-a por continuar sendo ela mesma, após 30 anos de carreira. Porém, não foram só elogios que a diva recebeu dos fãs, as críticas também foram duras, alguém escreveu que a achava uma louca e uma vergonha para a família. Sem se incomodar com as polêmicas nem opiniões alheias, Madonna segue causando. Há cerca de dois dias publicou uma foto onde aparece cumprimentando Barack Obama e na legenda ela faz elogios ao ex-presidente dos EUA e afirma que nunca haverá outro igual.

Publicidade

"Um rei em meio aos homens!", escreve a loira.

Aos 58 anos, Madonna não se preocupa se vai causar polêmicas e uma de suas revoltas foi a eleição para presidente dos EUA. A cantora diz que ainda não consegue assimilar a vitória de Donald Trump e sente-se em meio a um grande pesadelo. Outro assunto que também gera muitas críticas é a idade de seus namorados, sempre mais jovens que a estrela internacional. Sem ligar para o que dizem, ela rebate que as pessoas só falam porque é mulher e se nega a levar uma vida convencional, isso parece incomodar as pessoas.