Badr Hari, 32 anos, foi sentenciado com uma pena de #cadeia de dois anos. O homem que ficou famoso por sua amizade com Cristiano Ronaldo foi condenado na Holanda, e não tem direito nem a recorrer no tribunal. Ele vai mesmo para a cadeia, onde terá que cumprir um mínimo de seis meses de pena na prisão. Hari não esteve presente na leitura da sentença, mas seu advogado já fez saber que considera essa condenação "incompreensível", mas não vai poder recorrer.

O marroquino ficou conhecido da imprensa, durante o ano passado, após um suposto "romance gay" com o futebolista português #Cristiano Ronaldo. A imprensa espanhola deu conta que o craque do Real Madrid fez várias viagens de Madri para Marrocos, para se encontrar com o amigo.

Publicidade
Publicidade

Talvez por causa desses rumores, os dois acabaram compartilhando algumas imagens nas redes sociais.

Em uma dessas vezes, o português aparecia no colo do lutador de kickboxing. Junto com a foto, aparecia a frase 'Casados de fresco'. Por essa altura, foi muito falada uma possível relação homossexual do jogador. No entanto, a mesma nunca seria confirmada.

Recentemente, Ronaldo tem namorado a espanhola Georgina Rodríguez. A morena até foi junto com ele na festa de gala da FIFA, onde ele recebeu o prêmio de melhor jogador do mundo, distinção que reconheceu o craque português pela quarta vez na sua carreira.

Publicidade

Nesta semana, Ronaldo esteve com Georgina festejando seu aniversário, no Porto, no norte de Portugal.

Falta saber se o jogador vai apoiar o amigo Hari nesse momento mais complicado, em que o esportista de combate vai enfrentar tempos difíceis na cadeia. O marroquino está no seu país, mas terá que viajar para a Holanda para cumprir sua pena. Badr Hari foi condenado por duas acusações de comportamento violento, na Holanda, que reportam a 2011 e 2012.

Tudo teria acontecido em saídas à noite, quando o atleta teria agredido pessoas, uma delas com um copo de vidro quebrado. Hari é considerado um dos melhores lutadores do mundo, e um especialista falou que o homem sofre de 'personalidade narcisista', o que poderia provar seu comportamento mais violento e agressivo.

#Justiça