Uma das apresentadoras mais amadas do Brasil é Ana Maria Braga. A comunicadora enfrentou mais de um vez uma doença que assusta muita gente, o câncer. Em uma das oportunidades em que enfrentou a enfermidade, inclusive, Ana precisou se afastar da telinha e foi homenageada pelas mais diversas celebridades. Nesta segunda-feira, 21, durante o 'Mais Você', ao vivo, Ana falou sobre esse momento e deu detalhes sobre algo sobrenatural, que foi a cura da doença maligna, que pode até mesmo levar à morte. Muito emocionada, Ana estava ao lado do mentalista israelense Lior Suchard, quando fez as revelações. Ela disse que se curou com o pensamento do bem e também com a ajuda da padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida.

A mãe do Louro José disse que manteve o pensamento positivo o tempo todo.

Publicidade
Publicidade

O depoimento de Ana veio depois que o mentalista conseguiu adivinhar diversas situações. Em uma delas, o mágico acertou mesmo até mesmo a cor da calcinha que a loira estava usando, de cor cinza. Já outro momento que marcou a comunicadora foi quando ela lembrou de seu primeiro amor. O paranormal conseguiu acertar que esse namoro foi quando ela tinha onze anos e até escreveu o nome do homem em uma folha de papel. Lior Suchard é conhecido em todo o mundo por conta do seu trabalho de mentalismo. Essa é considerada uma das modalidades mais difíceis da mágica e o grau de acertos do homem é tão grande que ela chega até a descobrir a senha de um cartão de crédito, por exemplo.

"Eu tenho algumas coisas com relação a energia das pessoas. É uma das melhores energias que eu já tive a oportunidade de estar perto.

Publicidade

Ele me emociona muito", disse #Ana Maria Braga, antes de lembrar mais uma vez o drama que viveu por conta do câncer. É bom lembrar que, no ano passado, a comunicadora chegou a se afastar da televisão por conta de problemas de saúde. Na sua opinião, o pensamento positivo pode mesmo ter ajudado Ana? Deixe seu comentário. Ele é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo de temas relevantes.