Victor Chavez Zapala, da dupla sertaneja #Victor e Leo, está sendo acusado de agressão por sua esposa Poliana Bagatine, que está grávida de três meses de seu segundo filho. Segundo relatos, a agressão incluiu chutes desferidos por ele.

A equipe de reportagem da Rede TV! chegou a entrar em contato com a Polícia Civil de Minas Gerais. Conforme as informações obtidas junto à polícia, a vítima procurou a delegacia na manhã desta sexta-feira, 24, e foi direcionada para a Delegacia da Mulher de Belo Horizonte. Na unidade foi feita uma guia para que a realização de um exame de corpo de delito fosse feito. Porém, Poliana não quis esperar e foi embora sem realizar o exame.

Publicidade
Publicidade

De acordo com a assessoria de comunicação da Polícia Civil, a investigação segue em curso. Em um momento posterior, todos os envolvidos na situação serão chamados para serem ouvidos.

Até o momento, a assessoria de imprensa do cantor não comentou nada com relação ao ocorrido.

Victor e Poliana já estão juntos há mais de três anos. O casal tem uma filha, Maria Vitória, que tem pouco mais de um ano de idade. O casal anunciou a segunda gravidez há cerca de um mês. Victor, de 41 anos, atualmente também é jurado do programa TV The Voice Kids.

Violência contra a mulher

De uma maneira geral, não são raros os casos de violência contra a mulher em que o principal agressor é o próprio companheiro. Algumas pesquisas apontam que a cada sete minutos uma mulher sofre algum tipo de agressão no Brasil. Os famosos ajudam a engrossar os números.

Publicidade

Artistas conhecidos que já protagonizaram cenas de #Violência na vida real

Johnny Depp foi acusado por sua ex-mulher, Amber Head. Segundo ela, o ator atirou um iPhone em seu rosto.

Yuri Fernandes, ex-BBB, foi acusado de agressão por sua namorada Ângela Souza. Apesar de ter sido preso, ele foi solto poucos dias depois do ocorrido.

Kadu Moliterno também foi acusado pela ex-namorada. De acordo com ela, foram três agressões. A ex-esposa do ator também já o acusou de agressões.

Proteção – Violência contra a mulher

O número 180 é um serviço oferecido pela polícia para atendimento à mulher. Pedidos de ajuda, denúncias e informações podem ser feitos por meio dele. #Casos de polícia