Faltando ainda mais de um ano para a eleição presidencial no Brasil, o assunto já está sendo repercutido em alguns veículos de comunicação e, principalmente, nas redes sociais. Pesquisas online, muitas realizadas em tempo real, são feitas todos os dias por páginas no Facebook com os principais nomes que devem concorrer à disputada cadeira presidencial. Nomes como o de Aécio Neves, Marina Silva, Jair #bolsonaro e Lula são vistos como certos na próxima eleição em 2018.

É comum alguns artistas e influenciadores darem suas opiniões quanto a certos assuntos políticos e até mesmo apoiando algum nome em específico. E o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), que ainda não concorreu a nenhum cargo para o Poder Executivo, e apareceu em segundo lugar na pesquisa realizada pela Central Nacional dos Transportes (CNT), já vem recebendo apoio de alguns artistas.

Publicidade
Publicidade

O deputado vem ganhando cada vez mais destaque.

O cantor sertanejo Eduardo Costa já declarou apoio ao deputado e, além dele, o cantor Amado Batista também se mostrou favorável a Jair Bolsonaro. Agora, na tarde da última quinta-feira, o próprio deputado federal divulgou um vídeo em que aparece o apresentador de TV, Otávio Mesquita, também declarando apoio a sua candidatura.

No vídeo, Otávio Mesquita destaca: "Bom dia amigos, nesse momento indo para o SBT, para nossa coletivo de imprensa sobre o nosso programa que começará no dia 4 de março. Aproveitando, vou dizer o seguinte: Em relação ao Bolsonaro, tenho sim uma admiração por ele, pela história #Política desse cara. Claro, que eu não concordo com algumas coisas dele, e eu já disse isso pra ele. Não dá para você concordar com uma pessoa em cem por cento, mas eu prefiro combater algumas coisas que sou contra nele, do que ficar recebendo políticos que roubam.

Publicidade

Então, gente, esse cara realmente, é muito bacana. Tem meu respeito e meu carinho, apesar, repito, de não concordar com algumas coisas dele. Eu prefiro ter esta pessoa a frente do nosso governo, do que políticos corruptos, salafrários e ladrões. Ele não é nada disso. É um cara sério."

#Eleições 2018