Fausto Silva falou ao repórter do BOL, André Romano, sobre os 28 anos de carreira que irá comemorar neste ano, sobre o ano de 2016, perspectivas e sobre o #Domingão do Faustão.

Faustão, que passou pela Record, Gazeta e Band, já foi jornalista esportivo e também já cobriu tragédias, como os incêndios dos prédios Andraus e Joelma, em 72 e 74 respectivamente, que vitimaram dezenas de pessoas.

Falou também de André Marques, que alguns apontam como seu sucessor. Faustão foi o grande incentivador e apoiador da transformação pessoal e profissional de André, que hoje também é apresentador e fez uma mudança completa em seu visual, hoje com quase 70kg a menos.

Publicidade
Publicidade

Domingão do Faustão

Faustão afirma que tantos anos no ar é resultado de uma renovação constante. Para ele, uma insatisfação permanente garante uma melhora constante. E se um dia ele deixar de sentir essa necessidade de renovar, chegou a hora de parar, pois isso é o que mantém o programa vivo. Ele lembra que seu público vai da criança ao velho, e precisa agradar todos. Por fim, lamenta que os dois últimos anos tenham sido tão difíceis para os brasileiros, que o seu programa também tem um papel político e social, alegrando e informando o público.

Internet

Ele reclamou de alguns internautas, que fazem publicações de frases de sua autoria fora do contexto, tornando-as polêmicas. Ele chama de "maldada ou burrice" de quem o faz. Ainda diz que todo mundo em rede social sofre desse mal.

André Marques (Faustão é padrinho de André Marques como apresentador)

Ele diz que gosta muito dele.

Publicidade

Diz que esse é amigo de verdade. Faustão ainda se diz adepto a corrente do bem, um ajudando o outro. E isso não é ser bonzinho. É a corrente do bem, onde se todos estão bem, estão felizes. Ele julga o amigo como inteligente, centrado e determinado.

Novidades do Domingão

O Domingão está em constantes mudanças. Então a única coisa que pode se esperar do Domingão em 2017 é a mudança!

2016, ano difícil

Ele julga que pessoalmente foi um ano positivo, mas, de resto, o país não está com a vida boa, então ele também não pode estar.

Política

Ele vê uma "galera" nova querendo combater a corrupção. Faustão enxerga que o artista deve ser politizado. Faustão é grande crítico da política atual e, sempre que pode, ele faz uma crítica pública a algo de errado na política.

Um recado para os fãs

Ele registra que é preciso ter esperança, que é diferente de esperar. "Nós temos que virar esse jogo", referindo-se a crise político-econômica se que instalou no país. #Globo #Faustao