A pop star #Madonna recebeu permissão para adotar mais duas crianças do #Malawi, anunciou um porta-voz da Suprema Corte do país nesta terça-feira (7). A cantora já tem dois filhos dessa mesma nacionalidade - David, adotado em 2006, e Mercy, adotado em 2009.

Madonna havia negado relatos de que queria adotar novamente, depois que visitou Malawi no mês passado. Na época, afirmou que sua viagem foi para o seu trabalho de caridade, mas o que vinha acontecendo era que ela estava procurando adotar Esther e Stella Mwale.

Adoção

Madonna estava dentro do tribunal quando a decisão de aprovação foi proferida, disse Mlenga Mvula, um porta-voz do Judiciário do Malawi.

Publicidade
Publicidade

"Hoje (terça-feira), a Suprema Corte decidiu que ela pode adotar as duas crianças", disse Mvula, acrescentando que a cantora estava sorrindo depois da decisão do tribunal.

O porta-voz não pode fornecer detalhes sobre as crianças que Madonna vai adotar, pois é contra a lei divulgar tais detalhes, nesta fase. As meninas, chamadas Stella e Esther, viveram juntas em um orfanato por dois anos.

A cantora, de 58 anos, pediu a custódia das meninas no Tribunal Superior da capital, Lilongwe, em 25 de janeiro. No mesmo dia, Madonna negou que ela estivesse no país africano para adotar mais filhos, e insistiu que ela só estava lá para fins de caridade. "Os rumores de um processo de adoção são falsos", disse ela em um comunicado na época. "Estou no Malawi para verificar o hospital infantil em Blantyre e meu outro trabalho com Raising Malawi e, em seguida, voltar para a casa."

Madonna fundou a instituição de caridade infantil

Raising Malawi em 2006, no mesmo ano em que adotou David.

Publicidade

No verão passado, ela levou David e Mercy para visitar os orfanatos onde eles moravam antes de serem adotados. A estrela tem outras duas crianças - Lourdes e Rocco - de relacionamentos anteriores.

Malawi

Oficialmente República do Malawi, seu nome significa, em língua cinyanja, o nascer do sol, tal como está representado na bandeira, uma vez que, para os malawianos, é sobre o lago que nasce o sol. É um país da África Oriental.

Sua capital é Lilongwe, e o inglês é a língua oficial. É considerado pela ONU (Organização das Nações Unidas) um dos 20 países menos desenvolvidos do planeta. Desde sua independência do Reino Unido em 1964, o Malawi é oficial e legalmente (de acordo com a constituição) - e também na prática - uma república presidencial multipartidária e uma democracia representativa, na qual o chefe de estado e de governo é o presidente da República. #2017