O Pânico, um dos programas da Bandeirantes de maior audiência vai mudar radicalmente para sua temporada de #2017. É a maior reformulação da história. Metade do elenco foi demitido.

Além de Evandro Santo, o Christian Pior, estão confirmados na lista de dispensa nomes já antigos de atração como Amanda Ramalho e as panicats Mendigata e Baianinha (Mari e Fernanda Lacerda). Alline Riscado também deixa a atração. Completam a lista de #demissões, Marcelo Picon, Diogo Becker, Fábio Rabin e Lucas Salles.

Neste domingo (5), o programa volta ao ar com diversas mudanças, inclusive no elenco de panicats. A coluna de Daniel Castro no UOL (Notícias da TV) reforça que apesar de "oficiosa", a lista já foi confirmada internamente.

Publicidade
Publicidade

Alguns dos demitidos ainda devem aparecer nos programas iniciais desta temporada por conta de ainda possuírem alguns dias de vigência do contrato anterior. Mas assim que finalizar o contrato, esses nomes deixarão em definitivo a atração.

Evandro Santo até tentou "disfarçar" em seu Instagram postando foto ao lado de Ana Paula Minerato e Diego Becker coma a legenda "Bora trabalhar?", mas está confirmado que ele não seguirá no programa.

Já os nomes do apresentador Emilio Surita, além dos personagens Carioca, Bola, Vesgo, Impostor, Alfinete e Mendigo, que são representados, respectivamente, pelos atores Márvio Lúcio, Marcos Chiesa, Rodrigo Scarpa, Daniel Zuckermann e Daniel Peixoto, continuam. Também continuam Gui Santana e Maurício Meirelles.

Essa reformulação no programa é fruto da troca de direção feita em dezembro, quando o diretor Alan Rapp anunciou que deixaria o Pânico. Ele foi substituído pelo ex-Superpop Marcelo Nascimento (Tutinha).

Publicidade

O público pode esperar, além da mudança do elenco, reformulação e novos quadros.

Tutinha, o novo diretor, confirmou que apenas os "originais" continuariam. Essa declaração soou mal entre os demitidos.

As duas demissões que mais chocaram os fãs foram de Christian Pior, que está desde 2007, e Amanda Ramalho, que estava desde 2003, ainda no rádio.

Já alguns nomes como Fábio Rabin e Lucas Salles (ex-CQC) são mais recentes, entraram de forma fixa no elenco apenas em 2016. Comente quem mais fará falta no programa. #panico