Na novela "#Rock Story", o casamento de Diana (Alinne Moraes) e #Léo Régis (Rafael Vitti) não vai acontecer.

Diana vai surpreender Léo Régis no dia do casamento dos dois e o jovem cantor vai passar muito mal, ficando um longo período apagado depois de levar um fora da ex de Gui Santiago (Vladimir Brichta).

Segundo informações publicadas pela coluna Telinha, do jornal Extra, no dia do casamento, Diana entra na igreja acompanhada de Gordo (Herson Capri), mas dispensa o braço do pai no meio da igreja.

Sem entender nada, Gordo vê Diana indo sozinha em direção a Léo Régis, que fica emocionado pensando ser uma atitude de amor e sorri.

Publicidade
Publicidade

Então, Diana respira fundo e, comovida, afirma que não pretende seguir adiante com o casamento.

“Léo, você é uma pessoa linda, é o amor mais puro que eu já conheci na vida. E é por isso que eu não posso me casar com você. Me perdoa. Você vai me odiar agora, mas um dia vai entender que foi muito melhor assim. Desculpa”, dispara ela.

Atônito, Léo ainda ganha um beijo no rosto e desmaia em seguida. Gordo corre para acudi-lo e Léo Régis somente acorda um tempo depois, quando Néia (Ana Beatriz Nogueira) surge completamente surtada avisando que vai matar aquela "desgraçada do pescoção comprido", pedindo para que seu filho recupere os sentidos.

Gordo se aproxima dos dois e Néia o trata mal, dizendo que ele sabia o que a filha pretendia fazer pois os dois são podres. Gordo desmente, argumentando que foi à igreja somente para acompanhar a filha até o altar, pensando que realmente a entregaria para Léo Régis.

Publicidade

Enfim, Léo Régis acorda meio que atordoado, e a primeira coisa que faz é questionar a respeito de Diana. Ele leva uma bronca da mãe, que afirma que dali em diante ele está proibido de tocar no nome de Diana, pois ela morreu.

O jovem cantor se assusta com a notícia e pergunta se a amada realmente morreu, e Néia explica para o rapaz, que acaba de acordar de um trama, que ela está viva, mas morta para ele, insiste a mãe de Léo Régis na novela escrita por Maria Helena Nascimento. #Diana e Léo Régis