Uma das apresentadoras de maior audiência da RedeTV!, Sônia Abrão, entrou em uma polêmica com um novo famoso. O retratado da vez é o Padre Fábio de Melo. De acordo com informações do portal de notícias RD1, Sônua não teria gostado de uma declaração do novo livro do pároco, 'Humano Demais', escrito por Rodrigo Bocardi. Em um trecho da obra, o religioso diz que foi assediado por um famoso apresentador de televisão, que seria explicitamente homossexual. O padre disse que esse apresentador não parava de ir atrás dele, mas que acabou desistindo, ao perceber, que nada entre os dois aconteceria.

Sônia não gostou da revelação feita por Melo.

Publicidade
Publicidade

“Tão lindo, né Padre? Tão cabeça boa. Que feio isso. Não precisava desse tipo de coisa”, disse ela mostrando forte descontentamento com o que aconteceu. De acordo com a comandante do 'A Tarde e´Sua', a parte do livro em querer desmistificar a figura do religioso como santo é ótimo, mas que, após isso, fazer um livro sobre famosos, evidenciando picuinhas e fofocas não era nada digno de uma figura como a dele.

Quem também estava na atração da RedeTV! era a sensitiva Vandinha, que ficou conhecida por ter feito parte de um quadro de paranormais, no 'Domingo Legal'. Vandinha garantiu que via que Fábio estava "sendo regido pelo ego". A jornalista dona do vespertino concordou e disse que admirava o religioso, mas que por conta disso o colocaria na geladeira.

Horas depois, já na madrugada desta sexta-feira, 10, o religioso que também canta além de fazer missas, usou uma conta no Instagram para desabafar.

Publicidade

Sem citar a atração de Sônia Abrão, nem falar o nome dela, ele disse um recado, que, mais tarde, muitos internautas acreditar ter sido remetido para a apresentadora e sua convidada, a vidente Vandinha. “A opinião dos outros só merece ser ouvida quando os outros que opinam estiverem no rol dos que conhecem sua verdade”, escreveu ele na rede social.

O que você tem achado dos comentários do padre? Deixe o seu comentário. Ele é sempre importante para todos nós. #Religião