Segundo dados da Kantar Ibope Media o ''Big Brother Brasil 17'' exibido na Rede Globo de Televisão, durante o horário nobre da emissora, registrou um índice baixo de audiência na Grande São Paulo se comparadas a edições anteriores comandadas pelo apresentador Pedro Bial.

Até a última semana de fevereiro, o programa registrou 22,2 pontos de média na maior cidade do país e também onde engloba um importante mercado de publicidade, a Grande São Paulo.

O ''BBB 17'' veio com bastante novidade, já começando pela apresentação. O Apresentador #Tiago Leifert ocupou o lugar de Pedro Bial no comando do programa. O reality da casa mais vigiada do Brasil retornou a ''telinha'' no dia 23 de janeiro, marcando 29,0 pontos no Ibope, considerada a melhor audiência para a estreia nos últimos três anos.

Publicidade
Publicidade

Vale lembrar que cada ponto equivale a 70,5 domicílios sintonizado no programa.

Ainda falando dos primeiros trinta dias de atividade, a segunda pior edição foi atribuída ao ''BBB 15'', ainda com Pedro Bial no comando alcançou somente 22,8 pontos de média. Já o melhor primeiro mês do reality foi conquistado pelo Globo no ano de 2005 com a quinta edição do programa. Foi registrado 45,8 pontos de média.

A segunda melhor edição em termos de audiência (nos primeiros 30 dias) foi em 2006, com 48,8 pontos.

O atual edição Big Brother Brasil já esta sendo considerado uma das edições mais polêmicas do reality show. Os sisters Marcos e Emilly polemiza o programa com um relacionamento amoroso e uma paixão esperada por muitos espectadores e contestada por outros. O médico esta apaixonado pela sister e em momento de descuido deixou aparecer partes íntimas durante ato sexual na madrugada dessa quinta (2).

Publicidade

O BBB de Tiago Leifert

Os internautas ainda critica o recém-chegado ao comando do programa, Tiago Leifert. Em comentários na internet eles dizem que Leifert ainda não se acertou no jogo e lembrou que as charges e as novelinhas fazem muita falta. "Até mesmo o famoso big fone está sumido''. A quem diz que falta ''gás'' nesta edição do programa. #BBB Big Brother Brasil