Uma grande polêmica que impactou os internautas brasileiros recentemente foi o ato do pastor Silas Malafaia ao criticar a #Disney por anunciar que o filme A Bela e a Fera terá um personagem gay. Silas Malafaia fez um vídeo na qual demonstrou revolta com a Disney pelo fato de terem inserido a temática homossexual em um filme que terá grande público infantil.

Silas diz em seu vídeo que de acordo a Constituição Brasileira a educação é dada pelos pais e, com isso, ele insinuou que os pais deveriam evitar comprar coisas da Disney como forma de protesto, pois assim eles supostamente iriam perceber que "estão errados" em mostrar esses tipos de coisas nos seus projetos, segundo as palavras do pastor.

Publicidade
Publicidade

Haverá processo contra Felipe Neto?

O grande youtuber Felipe Neto, que conta atualmente com 9 milhões de inscritos e 800 milhões de visualizações em seu canal no YouTube, foi totalmente contra os argumentos e as opiniões do pastor Silas Malafaia. Felipe trocou farpas com o Silas em seu Twitter, discordando plenamente de todos os argumentos do Pastor e o chamou de "ladrão", insinuando que ele gosta de roubar dinheiro dos fiéis.

Silas Malafaia não suportou o desaforo do jovem e disse que iria colocá-lo em um processo jurídico por calúnia, difamação e danos morais. No sábado (4) , Felipe Neto postou um vídeo em seu canal do YouTube falando sobre suas opiniões sobre o assunto e incentivou os seus inscritos a consumirem cada vez mais os produtos da Disney, alfinetando também o pastor.

Felipe Neto não é o único #youtuber a criticar o pastor Malafaia.

Publicidade

Também houve o envolvimento de Cauê Moura, que debochou do pastor e disse que ele queria acabar com a Disney, mas não iria conseguir, pois a empresa norte-americana não estava nem ligando para ele.

Outro que se envolveu foi o youtuber Nando Moura, que também se posicionou sobre o assunto. Agora todos os internautas estão querendo saber se Felipe Neto será u não processado, pois ele próprio disse que não tem medo das ameaças do pastor e está pronto para enfrentá-lo no tribunal.

Conforme afirmações de Silas, ele confirmou que processará sim o youtuber. Novas informações sobre o caso devem ser divulgadas em breve. #LGBT