A Rede Globo de Televisão está fazendo a maior transformação de elenco de sua história. Vários atores foram demitidos. Entre eles, alguns idosos, como Maitê Proença, com anos de casa. Já nomes antigos, como Glória Menezes, ainda são contratados, mas recebem um pouco menos por não trabalharem. No geral, sempre que um ator de contrato longo está no ar, ele recebe pelo menos 30% a mais. De acordo com uma reportagem feita pelo site Notícias da TV, algumas demissões de veteranos, que costumam bem mais cara, foram substituídas por 67 atores novinhos. A informação foi passada pelo Direto de teledramaturgia da própria Globo, Silvio de Abreu.

Entre os nomes novinhos e que tem contrato com a emissora está Caio Castro, revelado no programa do 'Caldeirão', de Luciano Huck.

Publicidade
Publicidade

Outros são o da atriz Isabella Santoni, no ar em 'A Lei do Amor', novela das nove do canal. Ela interpreta uma jovem com câncer. Rapazes novos e bonitos, como os protagonistas de 'Rock Story', também engrossam a lista. Nicolas Prattes e Rafael Vitti apareceram em 'Malhação' e, desde então, não deixaram a dramaturgia diárias das novelas. Mas nem todas as novas apostas são jovens de 20 e poucos anos. Entre os novos globais estão atores com boa experiência, tal qual Júlio Machado, de 37 anos.

A mudança da tática da Globo é claro. Atores chamados de 'Medalhões' são muito caros e já não conseguem trabalhar tanto quanto antes. Em tempos de crise, a empresa quer gente disposta a ter folgas curtas, de dois meses no máximo, emendando um trabalho no outro. São poucos os nomes que tiveram a chance de ter algum descanso de imagem.

Publicidade

Um deles foi o de Adriane Esteves, que ficou na geladeira devido ao estrondoso sucesso de 'Avenida Brasil'. Mateus Solano, desde o Félix de 'Amor à Vida' apenas fez pequenas participações na telinha. Ele é o 'Zé Bonitinho' do remake de 'A Escolinha do Professor Raimundo'. Em casos como dos dois atores, a emissora tenta fazer com que o novo personagem não seja comparado ao antigo, o que não deixa de ser difícil. #Rede Globo