Justin Bieber chega, enfim, ao Brasil. Ele desembarcou no Rio de Janeiro na madrugada de quarta-feira (29), no aeroporto internacional do Galeão-Tom Jobim. O astro pop deveria ter chegado inicialmente ao nosso país na sexta-feira (24), depois de fazer show no Chile. O cantor já tem apresentação marcada para essa noite na Praça da Apoteose, às 21h. Cerca de 50 fãs que aguardavam Bieber do lado de fora do aeroporto há horas, para recepcionar o ídolo, ficaram totalmente decepcionados, pois o famoso preferiu sair por uma área restrita. O cantor veio num voo fretado com exclusividade para ele direto de Nova Jersey, nos EUA. Um Land Rover preto aguardava o astro que embarcou rapidamente sem sequer olhar para alguns "beliebers", que disputavam sua atenção.

Os fãs que conseguiram vê-lo choravam e comemoravam tamanha sorte, alguns disseram que ele sorriu antes de entrar no carro enquanto eles gritavam: "I love you", outra estudante repetia que foi a noite mais incrível da vida dela.

Publicidade
Publicidade

E assim alguns ficaram felizes, dizendo que valeu a pena ter ficado a noite toda à espera do ídolo. Contudo, a maioria se decepcionou. Teve gente de todas as partes do Brasil, como a estudante Francielle Borgesm de 18 anosm que chorou muito quando descobriu que Bieber já tinha ido embora.. E como essa jovem vários outros ficaram tristes porque esperavam que o artista viesse pelo desembarque normal e falasse com elas. "Estou arrasada. Estou triste mesmo!", lamentou outra garota que está acampada desde novembro, próximo ao local do show.

Citado pela Justiça

Da última vez que esteve no Brasil, o cantor meteu-se numa confusão com a Justiça por ter pichado um muro. Isso aconteceu em 2013, porém, o astro deixou o país sem ser incomodado e, ao saber de sua vinda, o juiz Rudi Baldi Lowenkron expediu um mandado de citação contra #Justin Bieber. Segundo o UOL, não foram identificados oficiais de Justiça nas imediações do aeroporto.

Publicidade

O cantor canadense deve se apresentar no Rio de Janeiro nessa quarta-feira (29) e em São Paulo nos dias 1º e 2 de abril. #Música