#Kim Kardashian falou finalmente sobre o assalto de Paris, que ela sofreu no ano passado. No episódio deste domingo do Keeping Up With The Kardashians, a socialite americana se emocionou muito na hora de falar sobre o quão assustadora foi essa experiência. Kim recordou que chegou a temer que os assaltantes a estuprassem e a matassem, não evitando alguma emoção em suas palavras. Antes do episódio ir ao ar, a celebridade alertou os fãs, escrevendo no Twitter, que sempre contou tudo para eles e que, dessa vez, não seria diferente, quando se tratou de uma das experiências mais difíceis de sua vida.

Kim #Kardashian estava sozinha, no quarto de hotel, quando foi roubada em Paris.

Publicidade
Publicidade

Os seguranças tinham saído com a irmã Kourtney, quando os assaltantes aproveitaram para entrar no quarto onde ela estava. Quando Kim viu os assaltantes, eles estavam levando um refém, que trabalhava no hotel. Ela ainda teria tentado chamar ajuda, pelo telefone, mas não teve tempo para isso. "O cara entrou e agarrou o telefone de mim, jogou-me na cama, e eu pensei: 'É isto'", revelou Kim, que pensou, nesse momento, que estava sem chances.

Kim Kardashian acredita que eles a poderiam ter rastreado por causa das redes sociais. No momento em que eles invadiram o hotel, ela estava no Snapchat, revelando que estava sozinha e que "todo mundo tinha saído".

Durante o assalto, que resultou em um prejuízo de milhões em jóias, Kim Kardahian teve uma arma apontada para sua cabeça, e eles forçaram-a a entrar no banheiro, antes de trancarem a porta.

Publicidade

Apesar de todo o susto, eles acabaram não fazendo nada de mal para ela, tirando o assalto. Foi, ainda assim, um dos episódios mais emocionantes do reality show.

"Eu nunca desejaria essa experiência para ninguém, mas aprendi algumas lições valiosas e sinto-me tão abençoada por estar segura em casa com meus bebês e meu marido", escreveu Kim Kardashian, neste domingo, no Twitter.

A polícia francesa continua investigando o incidente e Kim disse estar cooperando com suas investigações. Várias pessoas foram presas pela polícia em janeiro, na sequência dos ataques em Paris. Os investigadores disseram que encontraram DNA na cena do crime e que uma jóia caiu na rua após o roubo.

"À polícia francesa, obrigado pelo seu incrível trabalho", agradeceu a celebridade, que é estrela do reality show da família, que vai para o ar todos os domingos, nos Estados Unidos da América.

Assista a um trecho do episódio deste domingo do KUWTK:

#Estupro