Grandes artistas brasileiros decidiram avançar mesmo com um manifesto para que #Lula da Silva possa se recandidatar à Presidência, mesmo correndo o risco de ser preso em um futuro próximo. Tal como informa o site “TV Foco”, nomes como Chico Buarque, Beth Carvalho, Martinho da Vila, Marieta Severo e Dira Paes, bem como outros grandes intelectuais da sociedade brasileira, decidiram avançar com um manifesto para tornar o petista “presidenciável” o mais rapidamente possível. Nas redes sociais, o manifesto rapidamente ganhou um enorme impacto, gerando muita revolta e indignação, bem como mensagens de ódio para os responsáveis do manifesto.

Apesar de nunca ter confirmado que iria entrar nas Presidenciais do próximo ano, muitos enquetes garantem que Lula da Silva, caso avance com a candidatura, é o grande favorito para ser reeleito, apesar da enorme popularidade que Jair Bolsonaro tem conseguido ganhar nos últimos meses.

Publicidade
Publicidade

Mas será que o petista está disposto a uma nova corride presidencial, quando sabe que foi formalmente acusado por crimes graves, que podem fazer com que seu possível mandato termine de forma precoce?

A verdade é que grandes artistas da sociedade brasileira estão dispostos a correr esse risco, garantindo que Lula da Silva é a escolha mais acertada para retornar ao poder. “Vai garantir ao povo brasileiro a dignidade, o orgulho e a autonomia que perderam”, escreveram os responsáveis pelo manifesto, como garante o site “TV Foco”. De recordar que a “Lei da Ficha Limpa” permite que a pessoa acusada possa se candidatar a cargos públicos, mas sem poder assumir esse mesmo cargo.

Talvez por causa dessa enorme incerteza e da morte recente da sua mulher, Lula ainda não tomou uma posição definitiva sobre o que vai fazer até as Presidenciais, mantendo há já vários meses um enorme suspense sobre qual vai ser a sua decisão.

Publicidade

Nas redes sociais, sobretudo através de grupos do “Facebook”, as mensagens de ódios contra o ex-Presidente da República são uma constante, pedindo repetitivamente a prisão de Lula e Dilma Rousseff. #Eleições