A 8ª temporada de “#The Vampire Diaries” chegou ao fim e o episódio 8x16 trouxe um misto de sentimentos a todos os fãs.

Publicidade

No início do último episódio de “The Vampire Diaries”, Vicki está tocando o sino de 5 em 5 minutos para se salvar do inferno. Damon tenta matá-la mas sem sucesso. Ninguém se lembra de tentar impedi-la ou amarrá-la. Entretanto, Bonnie decide destruir o inferno, através da destruição do sino, que será feita com a energia do fogo do inferno.

Ela pede a Stefan que leve Katherine para os túneis da Arsenal e se certifique que ela está “morta”, no momento em que o fogo passar nos túneis. Para tal, é necessário cravar o punhal nela, que não a destrói, mas deixa-a no inferno durante uns minutos.

Embora a cidade seja evacuada, há uma pessoa que não pode sair da cidade: o corpo de Elena. Katherine pediu a Kai que fizesse um feitiço, que impedisse levarem seu corpo. Stefan sabe que Damon nunca deixará Elena para trás e diz a Caroline que tem que ficar para tentar salvá-lo.

A vampira sai da cidade com suas filhas, cumprindo a promessa que fez a Alaric. Quando o professor lhe conta o sacrifício que Stefan vai fazer, ela deixa-lhe uma mensagem dizendo que vai amá-lo para sempre.

Damon surge nos túneis e não aceita que seu irmãozinho morra, dizendo que ele é o irmão mais velho, se tornando definitivamente no homem que Stefan e Elena sempre viram nele. Ele compele-o para ir embora. No entanto, Stefan tinha tomado verbena. Ele procura uma seringa, retira a cura, volta para o túnel e injeta-a em seu irmão.

Bonnie tenta impedir que o fogo destrua tudo. Ela se sente fraca mas Enzo aparece e diz que ela consegue, que não está sozinha. Nesse momento, ela vê sua avó e todas as bruxas que anos atrás se sacrificaram para salvar Mystic Falls e consegue empurrar o fogo.

Quando o fogo atravessa os túneis, Stefan crava o punhal em Katherine e os dois morrem enquanto o inferno é destruído. O corpo de Damon está seguro no túnel ao lado. Me pergunto se a solução mais fácil não seria os Salvatore, em vez de tentarem se sacrificar um pelo outro, cravarem a adaga em Katherine e jogado o corpo dela no túnel?

Plec falou que o sacrifício lhe parecera natural e certo. Eu achei precipitado e sem sentido. Até então eu tinha assistido ao episódio com aflição, aguardando o momento de sua morte que eu tinha a certeza que iria acontecer. O que se seguiu foi uma desilusão ainda maior.

Após a sua morte, Stefan encontra Elena e explica-lhe o que aconteceu e deixa um recado para Caroline, dizendo que vai amá-la sempre. Depois, ele reencontra Lexi, que tinha encontrado a paz. Stefan conseguiu paz e redenção.

Bonnie está mais forte e consegue desfazer o feitiço que liga sua vida à de Elena. Quando ela acorda, beija Damon e todos se despedem de Stefan. Não há diálogos entre Delena.

A ação pula uns anos e alguns “mortos” que encontraram a paz vigiam seus amigos e familiares. Jo vê Alaric e as filhas, Vicki e Tyler veem Matt sendo homenageado, Caroline é observada por Liz e abre com Alaric a escola para crianças sobrenaturais, onde Jeremy é professor. Caroline recebe um donativo e uma carta de Klaus. Bonnie decide viajar e viver sua vida, como prometeu a Enzo, que continua vigiando-a.

Elena é médica e volta a Mystic Falls, ela está escrevendo em seu diário, dizendo que deve toda a sua vida a Stefan. Ela e Damon estão juntos, embora ele não seja totalmente feliz, por não saber se seu irmão encontrou a paz. Ela escreve que ele está errado, que a paz existe em tudo o que eles amam. Nesse momento, em uma cena simbólica, reencontra sua família que morreu. Na cena final, Stefan está na mansão e reencontra Damon, após ele ter vivido sua vida humana com Elena.

“The Vampire Diaries” chegou ao fim, levando muitas das minhas lágrimas, mais de tristeza e desilusão do que propriamente de alegria e emoção. Stefan merecia mais. Ainda assim, foi um privilégio assistir TVD e na minha memória ficarão todos os momentos emocionantes, levarei sempre Defan no meu coração. Thank you and Goodbye. #Seriados #Opinião