Neste domingo, 19, a apresentadora Maria da Graça Xuxa Meneghel, conhecida como a eterna "rainha dos baixinhos", foi vitimizada com uma informação muito triste. O pai da famosa, Luiz Floriano acabou falecendo em um Hospital do Rio de Janeiro. Ele estava com um quadro gravíssimo de osteoporose, doença que atinge os ossos do paciente. A apresentadora confirmou a #Morte de Luiz Floriano através de uma mensagem no Instagram. Muita gente se solidarizou pelo drama da comunicadora da Record TV e prestou mensagens para fortalecê-la. "Você vai passar por mais essa", disse uma pessoa nas redes sociais, mostrando-se triste pelo acontecido com a mãe de Sasha.

Publicidade
Publicidade

No entanto, nem todas as mensagens foram positivas. Mesmo sabendo da tristeza por qual a apresentadora passa, não faltaram mensagens ruins para ela. Os famosos haters chegaram a insinuar que a morte do pai de #Xuxa seria uma cobrança divina por um suposto pacto com o demônio. Xuxa luta há anos contra esse boato. Ela já chegou, inclusive, a processar o jornal da 'Folha Universal', vinculado à Igreja Universal do Reino de Deus e à TV Record, por noticiar que ela teria feito um pacto com o coisa ruim. O jornal perdeu a ação e levou uma multa milionária.

Veja abaixo uma das mensagens de haters para Xuxa nesse momento tão complicado e de luto. O perfil Carne Moída TV não foi o único que reproduziu esse tipo de mensagem. Lembramos que esse tipo de mensagem não faz bem a ninguém.

Publicidade

Sasha veio diretamente dos Estados Unidos para se despedir do avô. Ela foi flagrada por um fotógrafo do jornal carioca 'Extra' bastante cabisbaixa. Sasha não quis conversar com jornalistas sobre o assunto. Ainda não há informações sobre o velório e o enterro de Luiz Meneghel. A mãe de Xuxa, Dona Alda, também passa por problemas sérios de saúde e precisa de cuidado diário.

Na sua opinião, o que pode ser feito em relação ao assunto? Deixe o seu comentário. A sua opinião é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo de temas revelantes para a sociedade.