Muitas vezes poderia se escrever uma novela sobre a história real da vida de uma pessoa, pois realidade e ficção se misturam de tal forma, que os outros que estão do lado de fora do enredo, não sabem quando começa uma fase ou termina a outra. Essa dualidade, que se confunde, chama mais ainda a atenção quando o indivíduo é um artista ou alguém ligado à mídia, como é o caso da linda e talentosa atriz Alline Moraes. Sim, até mesmo os atores globais, que para alguns mais incautos tinham tudo para ser felizes, possuem também os seus problemas e como têm, diga-se de passagem.

Alline tem dado vida com muito brilhantismo a sua personagem Diana na novela das 19h da Rede Globo de televisão, cujo título é “Rock Story", mas como expresso acima, a sua vida pessoal nem sempre foi como diz o ditado, um mar de rosas, cheia de momentos maravilhosos.

Publicidade
Publicidade

Pelo contrário, a moça, que depois de longos anos em que ficou sem ter uma notícia sequer do seu pai biológico, acabou descobrindo onde o mesmo estava através da imprensa, quando ela própria falou o nome do pai ao conceder uma entrevista.

Como ela explicou, tudo aconteceu logo no início de sua carreira, ocasião em que era entrevistada e por um motivo qualquer ela falou do nome Luís Orlando, que se tratava do pai dela. Não deu outra, os jornalistas trataram de ir ao encalço do homem. Enfim, literalmente Alline conheceu o pai graças à imprensa.

Mesmo assim, ela faz questão de dizer até os dias atuais, que aquela realidade não a agradou nem um pouco, pois era simplesmente a história pessoal que deveria pertencer somente ao universo dela, até mesmo porque a atriz se autodenomina bastante discreta, conforme reiterou para a revista "Quem".

Publicidade

Após a descoberta do paradeiro do pai, que estava na cidade de Londrina, Norte do Estado do Paraná, #Alline Moraes foi até lá com o ex-marido, o ator #Cauã Reymond, no intuito de encontrar o pai. Finalmente ambos se falaram e ela retornou para o Rio de Janeiro. A estrela disse que naquela época o pai estava muito mal de saúde, pesando 200kg e logo, seis meses após o encontro, ele veio a falecer, ou seja, parece que o homem só estava esperando mesmo para ver a filha “desconhecida”, para que assim a moça pudesse entender melhor a história dos pais e porque não dizer, dela própria.

Quando teve esse resgate familiar, as surpresas para Alline não pararam, uma vez que ela soube que tinha uma irmãzinha de 10 anos de idade, chamada Taís. As moças não mantêm mais contato há cerca de dois anos, mas a atriz da Globo faz questão de ressaltar que a irmã tornou-se uma violinista incrível, viajando por todo o mundo, isso porque a menina treinou no violino a partir dos 3 anos de idade.

Mesmo diante de um trauma tão sensível, Alinne Moraes assegurou que guarda as lembranças familiares de um modo agradável; sendo que se lembra da avó Maria, que era exímia em matar galinha caipira, ou ainda dela mesma, quando era criança e sujava a roupa colhendo amora, pedalando na bicicleta ou quando ela, diferente de agora, tinha os pés grossos de tanta sujeira, típico das crianças que brincam ao ar livre; todavia, era “tudo muito simples, mas gostoso", disse ela.

Publicidade

Fique sabendo um pouco mais de Diana, personagem de Alinne Moraes na trama da TV

#Novelas