Nesta quarta-feira, 5, a apresentadora Ana Maria Braga recebeu em seu programa o eliminado do 'Big Brother Brasil' 17 da noite anterior, o advogado Ilmar. Na berlinda contra Marcos, Ilmar deixou o BBB 17 com 55% dos votos, em um paredão que, ao todo, teve mais de 112 milhões de votantes, tornando-se o terceiro maior de todos os tempos da atração. No 'Mais Você', #Ana Maria Braga mostrou diversos momentos importantes de Ilmar, mas também de Marcos no programa. No geral, a apresentadora tentou se conter nos comentários, mas em alguns momentos ela acabou não conseguindo. "Mas você no teve medo de tanta loucura?", questionou a apresentadora das manhãs ao convidado.

Publicidade
Publicidade

Ilmar confessou que, durante à noite, ficou com medo do médico tomar alguma atitude contra ele e que, por isso, demorou a dormir. Ana exibiu muitos vídeos dos últimos dos dias do 'Big Brother Brasil', quase todos em que Marcos surtava, o que, certamente, gera prejuízos para as imagens da atração. Ilmar lembrou no programa que, mais uma vez, o médico, assim que deixar o BBB, irá se arrepender de seus atos e que um milhão e meio de reais não valem tudo. Ele garantiu que saiu de consciência limpa e que nas horas em que está fora do reality show somente recebeu bons comentários.

Ana também deu alguns foras em Ilmar. Um deles foi quando ele disse que entrou no BBB para ser exemplo. "E como é que você sabe que é exemplo para alguém?", questionou a famosa. Ela ainda perguntou o que o brother faria depois do produto global.

Publicidade

Ele disse que não teve tempo para pensar. "Mas você ficou mais de 70 dias preso na casa, não teve tempo", disse ela rindo e fazendo o ex-participante cair na gargalhada. Ilmar garantiu que cuidará da causa indígena e trabalhar para mudar o nome do estado do Mato Grosso do Sul para 'Pantanal'.

Na sua opinião, o que pode ter acontecido para a famosa ter tomado tal postura em seu programa. Será que ela ficou revoltada com o resultado? Deixe o seu comentário. A sua opinião é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo de temas relevantes para a sociedade.