O apresentador José Luiz #datena foi surpreendido nesta semana com uma homenagem. O quadrinista brasileiro Will Conrad, que trabalha na DC Comics ao lado de Cary Bates e Greg Weisman, que foram os responsáveis por trazer a primeira revista solo do herói Capitão Átomo, desenhou um dos jornalista mais conhecidos do Brasil em "The Rise and Fall of Captain Atom" ("A Ascenção e a Queda de Capitão Átomo", em tradução livre), lançada nesta semana nos Estados Unidos.

Datena virou "Todd", o jornalista que entrevista o herói em um momento em que está lidando com seu retorno ao público e querendo entender seu legado. Em seu programa na TV Bandeirantes na quinta-feira (6), o apresentador agradeceu a homenagem.

Publicidade
Publicidade

"Quando você vai para o jornalismo policial, as pessoas passam a 'bater' em você. E, por isso, eu recebo poucas homenagens, e quando recebo uma homenagem como essa eu me considero muito feliz e Deus foi muito legal, por momentos como este".

Segundo Conrad, que estará no Brasil na próxima semana na Comic Com Experience - Tour Nordeste, em Recife, na hora em que estava para desenvolver a história, ele logo imaginou Datena conversando com o Capitão Átomo. "Você é uma inspiração e foi uma forma de homenagear um grande apresentador", completou.

Autor não esperava a notoriedade

Em entrevista ao site Omelete, Will Conrad disse que não esperava essa repercussão no Brasil. "Algumas vezes os desenhistas costumam colocar rostos conhecidos nas histórias, e para mim, quando faço isso, é a minha forma de homenagear as pessoas que admiro", comentou Conrad.

Publicidade

Para ele, os traços de "Todd" foram para imortalizar o grande apresentador.

Questionado se colocaria alguma personalidade americana em seus desenhos, Conrad disse que faria se fosse algo pontual, como Datena, e que não faria se o personagem aparecesse constantemente nas publicações.

Conrad acredita que a versão brasileira de "The Rise and Fall of Captain Atom" deverá chegar no fim do ano no Brasil.

Capitão Átomo

Criado por Steve Ditko (desenhista) e Joe Gill (roteirista),em 1960, para a Charlton Comics, depois adquirida pela DC Comic, o Capitão Átomo é o alter-ego de Adam Allen/Nathaniel Adam, que foi pego em um experimento científico, e, após isso, foi capaz de reformar seu corpo, ter força e resistência sobre-humana, a capacidade de voar e projetar rajadas de energia.

Em sua nova minissérie, a ideia é explicar o que o personagem esteva fazendo durante todos os anos que estava desaparecido no Universo DC dos quadrinhos. A quarta edição foi liberada nesta semana para os leitores americanos.