A última publicação da #atriz na rede social Instagram, foi no dia 26 de outubro de 2016. Luiza Valdetaro ficou conhecida por participar de novelas como "Celebridade", "Gabriela" e "Joia Rara". O seu marido, Mariano Marcondes Ferraz, acabou sendo preso na mesma data que partiu o sumiço da atriz, ele é acusado de corrupção ativa e lavagem de dinheiro.

Depois de ser preso, Mariano resolveu parar uma fiança de R$ 3 milhões no dia 3 de novembro de 2016, fazendo com que ele sobreviva fora da cadeia. Mas no dia 3 de maio de 2017, ele se tornou réu pela #Lava Jato, em uma denúncia do Ministério Público Federal (MPF) acatada pelo juiz federal Sérgio Moro, responsável pelas investigações da Lava Jato.

Publicidade
Publicidade

Mariano Marcondes Ferraz teria pago US$ 868.450,00 em propina para que a empresa Decal do Brasil renovasse seus contratos com a #Petrobras. Quem recebeu a propina foi o delator Paulo Roberto Costa, ex-diretor do setor de Abastecimento da Petrobras e um dos primeiros a fechar acordo de delação premiada pela operação.

Em depoimento para a Polícia Federal, Mariano Ferraz declarou que pagou propina referente ao que eles chamavam de "comissões" e cada uma dessas comissões valia 1,5 % do valor do contrato. A defesa do empresário enfatizou que o cliente declarou sua participação em atos ilícitos e que iria colaborar para a apuração dos fatos, ajudando as investigações.

Enquanto a vida de Mariano estava um "terror", sua esposa Luiza resolveu abandonar o Brasil e partiu para Londres com sua filha caçula, fruto do casamento entre os dois.

Publicidade

Ela abandonou a carreira de atriz no Brasil e trabalha como uma das sócias da empresa da produtora BlueMoonn KN. A foto mais recente da atriz mostra ela na festinha da escola da filha, a imagem foi publicada por sua sócia.

As investigações da Lava Jato "reviraram" a empresa Petrobras e chegou perto de grandes empresários e políticos brasileiros. O ex-presidente Lula está envolvido em seis processos, a maioria acusado de corrupção e lavagem de dinheiro. Quem também se prejudicou foi o empresário Eike Batista que chegou a ser preso.