Desde seu lançamento, em 31 de março, a série '13 Reasons Why', da Netflix, está entre um dos assuntos mais comentados nas redes sociais. A série, que tem Selena Gomez como um dos produtores executivos, é uma adaptação do livro do autor americano Jay Asher, lançado no Brasil em 2009 pela Editora Ática.

A série em 13 episódios conta a história de Hannah Baker (Katherine Langford), que se suicidou e deixou 13 fitas cassete com os nomes das pessoas e dos eventos que contribuíram para que ela colocasse fim à própria vida. Acompanhamos Clay Jensen (Dylan Minnette) ouvindo as fitas e procurando por respostas.

O livro e a série têm algumas diferenças como, por exemplo, no livro, Clay ouve todas as fitas de uma vez só em uma noite.

Publicidade
Publicidade

Na série, ele ouve durante os 13 episódios.

A polêmica cena da morte de Hannah

Muito tem se discutido sobre a cena forte que mostra explicitamente a morte de Hannah.

As opiniões sobre a série e a cena são variadas. Algumas pessoas dizem que ela ajuda a fazer com que as pessoas pensem sobre suas atitudes e como elas podem afetar a vida de uma pessoa, enquanto outras dizem que ela ensina aos adolescentes como se suicidarem.

Mesmo que antes do início do episódio específico seja mostrado um aviso, ainda assim a cena é chocante e preocupante para alguns telespectadores. Então, por que incluíram a cena detalhada da morte de Hannah?

Em entrevista para a Entertainment Weekly, Jay Asher contou que decidiram colocar a morte de Hannah em detalhes para "mostrá-la tão horrível quanto isso realmente é".

Publicidade

"A maneira que ela faz isso, você não pode assistir e sentir como se fosse glamourizada. Parece e é doloroso e então quando ela é encontrada pelos pais dela, isso os destrói", diz ele.

A EW conversou sobre a cena com a doutora Christine Moutier, médica chefe da Fundação Americana de Prevenção ao Suicídio. Apesar de não ter assistido à série, ela ressaltou a importância de aumentar a conscientização sobre o suicídio, assim como a importância de falar, conversar com alguém de confiança e ouvir.

"Não que as representação sejam todas ruins - é a maneira com que são feitas e precisa ser com uma mensagem de prevenção e uma mensagem de esperança, algo que possa inspirar outros a trabalharem através das lutas da vida se eles estão a caminho de realmente estar em uma crise ou mesmo quando está no momento de uma crise suicida", completa Christine.

Os 13 episódios de '13 Reasons Why' estão disponíveis na Netflix. #13 Reasons Why #Entretenimento #Seriados