Após Marcos Harter ser acusado de agredir Emilly durante uma festa do Big Brother Brasil 2017, ele foi expulso do programa. Devido ao ocorrido, ele teve que prestar esclarecimentos na Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM), localizada no bairro de Jacarepaguá, na zona oeste do Rio de Janeiro. O médico foi ouvido na tarde desta quarta-feira (12), durante três horas. As informações foram divulgadas pelo portal de notícias Ego.

Publicidade

O ex-brother saiu da delegacia acompanhada de seguranças e não quis falar com a imprensa. Ele apenas acenou e sorriu para as pessoas quando já estava dentro do carro. Alguns fãs foram até o local para dar apoio ao médico. “Força Marcos, estamos com você!”, disseram alguns admiradores.

Viviane Costa Ferreira foi a delegada-titular que colheu o depoimento do ex-BBB.

Publicidade

De acordo com ela, o inquérito foi aberto quando a Polícia Civil ficou sabendo do possível delito de #Violência doméstica. Eles disseram ainda que analisaram alguns momentos e viram que havia indícios de lesão corporal e abriram um inquérito.

Viviane disse também que quando o delegado de polícia toma conhecimento sobre um assunto como este, tem obrigação de apurar. Ela informou que fez a diligência na emissora, na segunda-feira, com o a finalidade de angariar provas. “Naquele momento, foram solicitadas imagens de câmeras e foram feitos convites para Emilly e Marcos comparecerem à delegacia", afirmou a delegada aos repórteres que estavam presentes na entrada da delegacia.

A delegada-titular do caso deixou claro que a Polícia Civil não teve participação na expulsão de Marcos do BBB 17, pois eles não têm ligação com esse tipo de decisão. Sendo assim, a medida foi tomada por decisão da #Rede Globo..

Publicidade

Marcos divulga nota se redimindo das agressões cometidas contra Emilly

Após o caso da agressão de Marcos cometida contra sua namorada Emilly ter tomado grandes proporções na mídia brasileira, o médico divulgou uma nota em seu Twitter, se redimindo pelo ocorrido.

Na última terça-feira (11), Marcos disse em sua rede social que jamais teve a intenção de machucar física ou emocionalmente uma pessoa pela qual nutriu carinho e afeto. [VIDEO] “Como todo casal passamos por momentos de alegria e ansiedade, euforia e tensão", disse.

Ele confessou também que o programa deixa o emocional da pessoa no limite e os nervos à flor da pele. “Estou surpreso com tudo que está acontecendo", afirmou o ex-brother, que finalizou a nota pedindo desculpas a Emilly, sua família, demais participantes e a todo o Brasil. #BBB Big Brother Brasil