Nesta terça-feria, 4, a produção do BBB 17 decidiu tomar medidas para evitar que as coisas voltassem, mais uma vez, a ficarem fora do controle. Pela manhã, o médico Marcos ficou cerca de uma hora no confessionário, onde deu berros com a produção do reality show. Internautas, como mostra uma reportagem do UOL, relatam que os gritos do médico eram tão altos que podiam, inclusive, ser ouvidos do lado de fora do confessionário. Ieda foi uma das sisters que parecia assustada com a situação. Além de conversar com os produtores da atração, o cirurgião plástico conversou com psicólogos e, ao sair do cômodo, observou que teria perdido a cabeça nas últimas horas.

Na segunda-feira, 3, o profissional da saúde bateu-boca com praticamente todo mundo da casa mais vigiada do país, colocando o dedo na cara de Emilly e chamando a deficiente física Marinalva de "cavalo-manco".

Publicidade
Publicidade

No entanto, o momento que mais repercutiu foi quando o brother acabou perdendo a cabeça com Ilmar. Ele garantiu que a polícia teria ido ao programa atrás do advogado, que estaria devendo pensão alimentícia ao filho. Ilmar é separado da esposa, diz que passou por dificuldades, mas que nunca chegou a faltar com o filho e que, para ele, o mais importante é que o garoto tenha orgulho dele. A Globo negou que a polícia tenha entrado na atração e lembrou, durante o programa ao vivo, com a participação de Tiago Leifert, que os comentários de Marcos poderiam gerar sérios problemas para ele fora da atração.

Ao sair do confessionário, ele estava desesperado. Marcos chegou a ficar um tempo pensativo, mas depois chorou nos braços de Emilly, argumentando que realmente ele teria errado. Ele disse que é uma pessoa evoluída e que, por isso, consegue reconhecer que realmente cometeu erros ao agredir mulheres verbalmente e colocando o dedo na cara delas.

Publicidade

Na sua opinião, Marcos foi prejudicado pelo o que aconteceu no programa? Deixe o seu comentário. A sua opinião é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo de temas relevantes para a sociedade. #BBB Big Brother Brasil