Depois dos desequilíbrios constantes dos confinados, a Globo decidiu tomar uma atitude no jogo. Alguns brother se sentiram acuados e pressionados com os últimos fatos na casa. E tudo começou com o rompimento do trio Emilly, Marcos e Ilmar. Logo que eles ficaram inimigos, as brigas começaram e o jogo ganhou contornos de arena de guerra. Ilmar e Emilly protagonizaram cenas de falta de respeito sem limites no BBB17. Houve fãs fora da casa que temessem pela integridade dos participantes. Ilmar chamou Emilly de 'verme' e, na discussão, eles chegaram a gritar com o dedo na cara um do outro, parecendo que o pior poderia acontecer.

Em outro episódio, Marcos, em seu 'dia de fúria', conseguiu arrumar confusão com todos dentro da casa.

Publicidade
Publicidade

Colocou o dedo no rosto de Emilly, agrediu Ieda e verbalmente e, por fim, a cena mais polêmica desse BBB, quando Marcos acusou Ilmar de se envolver em um caso de polícia. Ele chegou a afirmar que a polícia tinha 'batido' na porta da casa. Essa história foi negada e repudiada pelo programa e pelo público.

Para fechar o 'trauma' dos BBBs na segunda-feira, 3, o dia mais agitado do jogo, Tiago Leifert comandou o 'Jogo da Discórdia', com a presença de alguns ex-BBBs desta edição, para bombardearem os últimos confinados da casa com perguntas que gerariam a discórdia entre eles. Tudo isso depois de um dia repleto de tensão na casa. Claro que o resultado foi descontrole geral. Tiago Leifert ficou à beira de perder o controle do programa. Marcos e Emilly fizeram acusações à produção do programa de quererem apenas atacá-los, já que todas as perguntas, mesmo aquelas não direcionadas a eles, envolviam a dupla de alguma forma.

Publicidade

E tudo isso culminou numa atitude inédita do programa. Uma psicóloga visitou o confessionário para fazer uma espécie de terapia com cada um deles. Segundo a Folha de São Paulo, Ieda foi a que mais se queixou das brigas e disse se sentir 'acuada e com medo de ficar na casa'. O temor era de ser agredida por Marcos. Ilmar também se queixou do desequilíbrio do brother e disse ter ficado abalado com tudo.

Ieda ainda sugeriu para a #Psicóloga que fizesse um diagnóstico em Marcos, pois, segundo a Mama, ele é meio desequilibrado.

Na edição desta terça-feira, 4, antes da eliminação, ele confessou que já fez terapia e que antes disso ele era 'estourado' e conseguia respeito das pessoas usando 'força física'. #BBB Big Brother Brasil