O ex-BBB e médico #Marcos Harter se envolveu em uma das maiores polêmicas já criadas em uma edição do Big Brother Brasil, tendo sido expulso do reality, acusado de agressão. Em uma carta de Marcos para Emilly, o médico decidiu por as "cartas na mesa' neste sábado (22).

O caso Marcos e Emilly ganhou dimensão na imprensa, após envolver a intervenção da polícia no reality, culminando na expulsão do médico por decisão da direção e produção do programa.

A decisão sumária da Globo, veio apos o cirurgião ser indiciado em inquérito pelas delegadas Dra. Márcia Noeli chefe da DPAM (Divisão de Polícia de Atendimento à Mulher) do Rio de Janeiro e da titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) Dra.Viviane da Costa Pinto.

Publicidade
Publicidade

Vale ressaltar que Marcos Harter foi denunciado ao Ministério Publico após conclusão do inquérito pela autoridade responsável na última quarta-feira, informação confirmada pela GloboNews. O cirurgião médico foi indiciado com base na Lei Maria da Penha, por lesão corporal e responderá processo na justiça.

A carta de Marcos para ex-bbb, vem permeada por lembranças

A extensa carta escrita por Marcos poderia se resumir em apenas alguns versos da música de Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown interpretada por Marisa Monte: "Depois de varar madrugada, esperando por nada, de arrastar-me no chão" [...], e diga-se de passagem, caberia a letra completa.

Mas o médico decidiu, depois de esperar em vão alguma atitude da gaúcha, vir à público no sábado, através de uma carta publicada em sua página oficial no Facebook, dirigida a estudante Emilly Araújo, que venceu o reality.

Publicidade

O texto, permeado por lembranças vividas com a "picinho" do #BBB 17, durante suas permanências no programa, Marcos fez mais que um desabafo, fez revelações que a TV Globo não mostrou, a exemplo da que ele teria “implorado” para que Emilly retirasse a queixa de agressão, quando ela esteve no confessionário.

A extensa carta de adeus de Marcos à Emilly, mostra a decepção do médico com a garota, acusando-a de ter sido insensível, não dando ouvidos aos gritos e ao pranto dele do lado de fora do confessionário. No que toca a isso, Marcos demonstrou ter ficado “bastante decepcionado” com a atitude da gaúcha.

Em um dos pontos ressaltados pelo cirurgião na carta, ele aponta o que seria para ele um dos maiores erros cometidos pela garota, acusando-a de ter passado a vê-lo como adversário no dia do paredão contra Marinalva, em que ele obteve 77% de aprovação do público e ela ouviu a torcida clamar seu nome como campeão: "E foi ali que você cometeu um dos seus maiores erros dentro do programa: ao ouvir minha torcida gritar "É campeão!", ressalta.

Publicidade

Marcos Harter na carta à Emilly fala das supostas agressões

Falando das supostas agressões, que ele julga terem sidos mútuas, ele lembra quando ela o chutou em um dos episódios na casa. Marcos relata que se recusou a denunciar Emilly por te-lo agredido, dizendo ter negado o "chute" que a gaúcha teria dado nele:" Ou você acha que também não me foi oferecido dar queixa [...] ?”, questiona indignado.

Ele cita ainda o fato de quando ela jogou a "bóia trident' de propósito em seu rosto, fato acontecido na piscina, no entardecer.

Marcos deixa claro que Emilly não precisaria lhe pedir perdão, mas talvez sim a todos os que acompanharam a saga do casal Marcos e Emilly na casa do BBB17: "[...] as pessoas que acreditaram no amor que você dizia sentir por mim”.

Veja a íntegra da carta de Marcos para Emilly

Na carta postada em sua pagina no Facebook, ele assina e finaliza dizendo: "Aprenda que em toda a história da humanidade, amor e caráter nunca estiveram à venda".

#Emilly e Marcos