A jornalista Sônia Abrão, recentemente, ao comentar sobre o 'Big Brother Brasil', disse que a atração era uma vergonha nacional. Alguns seguidores agora já comentam que o programa e outros barracos envolvendo a Globo se tornaram uma "vergonha mundial". Não é para menos, o jornal mais famoso do mundo, o 'The New York Times', publicou nessa semana uma reportagem ampla sobre os últimos acontecimentos envolvendo as celebridades brasileiras. O jornal escrito no estado de Nova York, nos Estados Unidos, repercutiu as brigas de Marcos com Emilly e até o caso envolvendo o ator José Mayer, conhecido por ter sido galã em diversas novelas da emissora.

Os dois casos têm em comum o fato de terem acontecido dentro dos estúdios Globo, no Rio de Janeiro, e de mostrarem a força de uma sociedade ainda muito machista.

Publicidade
Publicidade

O jornal, apesar de noticiar os casos, mais fala bem da ação das mulheres, do que mal da própria Globo. Ele lembra, por exemplo, o movimento 'Mexeu com uma, Mexeu com Todas', capaz de tirar um galã de novela de sua posição. As novelas da emissora são exportadas para todo o mundo e o rosto de José Mayer, com 40 anos de trabalho, é conhecido em diversos países.

Para o 'The New York Times', o que caso mostra é uma verdadeira vitória das mulheres. José foi acusado de assédio sexual por uma figurinista, já Marcos foi acusado de agressão dentro do BBB 17. O médico acabou sendo expulso do 'Big Brother Brasil' após coagir e encurralar Emilly, sua "namorada". A seguir, relembraremos com mais detalhes os dois casos que mexeram com o país.

Fogo na caixa d'água

O primeiro a noticiar o que houve na Globo foi o fofoqueiro Léo Dias, que trabalha para o jornal 'O Dia' e para o 'Fofocalizando', do SBT.

Publicidade

No entanto, como ele não deu nomes, a Globo manteve o ator, talvez achando que esse fogo não fosse se alastrar. A figurinista decidiu botar a boca no trombone e agora revelando os nomes dos bois contou tudo em um blog feminino do jornal 'Folha de São Paulo'. Inicialmente, Mayer negou o assédio e disse que estavam confundindo ele com o personagem. No entanto, após até colegas de trabalho insinuarem que foram vítimas dele, José mudou a forma de reagir sobre o assunto e admitiu seus erros.

A realidade nunca foi tão real

Marcos e Emilly viviam um casal de realidade conturbada no BBB 17. Para muitos, um só estava com o outro para chegar mais longe no programa. Após as supostas agressões, além de não ganhar o prêmio, Marcos foi parar na delegacia. #Famosos