Alexandre Correa, empresário e mais conhecido por ser marido da apresentadora Ana Hickmann, deu o que falar nesta sexta-feira, 28, quando gravou um vídeo e publico em sua conta no Instagram. De acordo com uma reportagem do TV Foco, nas imagens, ele criticava as manifestações do fim de semana, mais conhecidas como 'Greve Geral', que acabaram impossibilitando milhões de trabalhadores de irem aos seus empregos. Alexandre estava furioso e criticou o fato das manifestações terem atrapalhado os seus negócios. A Greve Geral foi efetuada, pois centrais sindicais não concordam com o fato do governo estar propondo mudanças trabalhistas importantes para a sociedade.

Publicidade
Publicidade

As mudanças são consideradas as mais profundas desde a existência da carteira assinada, do governo de Presidente Vargas.

Em entrevista ao site da Revista Veja, o marido da apresentadora da Record TV disse que “Com muita tranquilidade posso dizer que estou deixando de faturar uns 25 mil reais”. Milionário, o bonitão e sua esposa deram o que falar recentemente, quando sua casa apareceu na web e a sala impressionou. De acordo com ela, uma de suas lojas não foi aberta, já que nem mesmo os seus funcionários conseguiram chegar ao local. O motivo foi que em São Paulo muitos meios de transportes forma bloqueados. A situação apenas começou a ser tranquilizada no fim da manhã. O governo disse que as manifestações foram muito menores do que o previsto e que somente houve paralisação devido a atos violentos.

Publicidade

De acordo com o marido da apresentadora da Record, o fato de sua loja estar fechada não apenas tira os seus ganhos, mas de outras pessoas. Alexandre lembra que os vendedores e gerentes ganham comissão. Além disso, os fornecedores e toda linha de fabricação são afetados em dias como esse. É bom lembrar que a paralisação aconteceu antes de mais um feriado. O terceiro em um mês para um país que está em plena crise econômica e que teria pelo menos quatorze milhões de desempregados. Ainda sobre o assunto, ele xingou os grevistas.

“Tem muita gente que ficou ofendida porque chamei manifestante de corno. Manifestante não é corno, é filho da p***", disse ele, que ainda negou estar falando isso por ser branco e rico, mas por saber que os pobres também são afetados. O ricaço marido da apresentadora ainda questionou porque as manifestações da Greve Geral não foram feitas durante o feriado e lembrou que isso não ajudaria o país a melhorar. #Famosos