Considerada a grande protagonista da décima sétima edição do Big Brother Brasil, a estudante Emilly Araújo, de 20 anos, deu o que falar durante sua participação no programa. Ela, que durante o confinamento manteve uma relação amorosa com o cirurgião plástico Marcos Harter, de 37 anos, fez com que o clima na casa esquentasse e mais tarde se tornasse até mesmo assunto de polícia.

Emilly, que cedeu uma entrevista para o jornal Extra, não escapou de perguntas relacionadas ao namoro, a sexo e também sobre Marcos. Questionada sobre a intensa relação que viveu com o médico na casa e também pela constante movimentação do edredom nas noites a dois, a campeã declarou que a atitude foi típica de um casal de namorados, alegando que tudo foi de uma forma natural.

Publicidade
Publicidade

Porém, confessou: ''Meu pai me deu uma bronca. Disse que eu não precisava me expor daquele jeito''. Quando indagada sobre Marcos, ela respondeu: ''Desejo que ele seja feliz, assim como eu estou feliz. O que aconteceu lá na casa, ficou na casa. Não guardo mágoas''.

BBB17

Vista como a edição mais polêmica de todas, o BBB17 se destacou por seus excelentes números no Ibope, pela repercussão entre os telespectadores e por até hoje estar entre um dos assuntos mais comentados do país. O reality show, que se tornou assunto de polícia, foi sem dúvidas protagonizado pela vencedora do jogo, Emilly. Ela, que atualmente é tida como vítima de agressão por parte de seu ex-namorado na casa, Marcos Harter, está entre as celebridades mais procuradas nos sites de busca.

O casal, que iniciou uma relação amorosa logo nos primeiros dias de confinamento, mostrou que é possível ir do amor ao ódio em segundos.

Publicidade

Protagonizando uma relação explosiva e com inúmeras trocas de farpas, Emilly e Marcos tiveram sua última briga na madrugada do dia 10.

Eles, que juntamente com as finalistas Ieda e Vivian participavam da festa 'Emoções', foram flagrados tendo uma forte discussão no interior da casa. Emily, que indagava o namorado por seu comportamento diante de Vivian, foi fortemente repreendida por ele, que brutalmente apertava seus braços e pulsos.

O incidente, que foi tido como agressão, resultou na expulsão de Marcos do reality e o levou a prestar contas à Justiça, sendo intimado a depor na Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, no dia 12.

Emilly, que foi considerada vítima de agressão física e psicológica, prestou depoimento na DEAM nesta última segunda-feira, 17.

O caso segue sendo investigado pela delegada-titular, Viviane Costa Ferreira. #Emilly BBB17 #Emilly fala sobre Marcos #Marcos Harter BBB7