Por meio de comunicado divulgado nesta segunda-feira (17/04), o Grupo #Globo informou que o site de notícias de #celebridades "Ego" será descontinuado a partir do dia 2 de maio. A atitude foi tomada pelo grupo de comunicação para concentrar seus investimentos e funcionários no Globo Play – serviço de streaming de vídeos – e nos portais G1, Globoesporte.com e Gshow.

Notícias parecidas com as que eram divulgadas no Ego poderão ser encontradas no Gshow. Porém, o direcionamento da empresa é somente publicar “novidades sobre o dia a dia dos talentos da Globo”. Isso quer dizer que flagras e notícias comprometedoras não deverão ganhar espaço.

Publicidade
Publicidade

O Ego foi fundado em 2006 e fechou o ano passado com média mensal de 13,2 milhões visitas únicas pelo celular, tablet e computador.

O Grupo Globo é proprietário da Rede Globo, maior emissora de televisão do país; Infoglobo, que cuida dos jornais O Globo e Extra; Sistema Globo de Rádio, com as rádios Globo, CBN, Sound! e BH FM; Editora Globo, que edita as revistas Época, Vogue, Globo Rural e outras; gravadora Som Livre; Globosat, com mais de 40 canais na TV por assinatura; globo.com, que cuida dos portais de notícias G1, Gshow e Globoesporte.com; além do site de classificados Zap Imóveis.

Leia a nota:

“A Globo decidiu descontinuar, no fim deste mês, o portal de notícias de celebridades e entretenimento Ego e concentrar o foco de sua estratégia digital em seu ambiente de vídeo, Globo Play, e nas verticais de conteúdo, Jornalismo, Entretenimento e Esportes, representadas pelos portais G1, Gshow e Globoesporte.com e pelo fantasy game Cartola FC.

O Ego foi fundado em 2006 e por mais de uma década cumpriu seu papel como principal produto digital do segmento de Entertainmet News na Internet brasileira, tendo encerrado o ano de 2016, segundo a Comscore, com uma média mensal de 13,2 milhões de visitantes únicos multiplataforma. A decisão de encerrar as atividades no portal é resultado de uma reflexão sobre a evolução do mercado de notícias de celebridades no Brasil e no mundo e de novas dinâmicas de interação entre artistas e seus fãs pelas redes sociais. Também será descontinuado o Paparazzo, editoria do Ego voltada para ensaios sensuais.

A partir de 02 de maio, as novidades sobre o dia a dia dos talentos da Globo poderão ser acompanhadas com mais intensidade pelo Gshow. O G1 continuará com a missão de cobrir factualmente aspectos relevantes nas vidas de quaisquer personalidades de projeção pública.” #Famosos