Em 2005, Joana Balaguer fez uma das temporadas mais marcantes de 'Malhação'. Ela fazia a Jaque, uma vilãzinha que tentava por tudo atrapalhar o romance entre Betina, personagem de Fernanda Vasconcellos, e Bernardo, papel de Thiago Rodrigues. Doze anos se passaram e o público se pergunta, afinal, o que teria acontecido com a atriz, depois de tanto tempo? Muita gente não sabe, mas Joana deixou de lado um pouco a atuação para ser mãe. Ela tem um filho de dois anos, o pequeno Martin. Joana ainda viajou para fora do país. Hoje ela mora em Portugal e o que conta vai deixar muita gente animada. Após o sumiço das telinhas, Balaguer volta à tona três vezes ao mesmo tempo.

Publicidade
Publicidade

Isso porque 'Balacobaco' e 'Lua Vermelha' (novela portuguesa) estão sendo reprisadas. Além disso, 'Amor Maior', novela inédita da SIC, emissora local, está prestes a estrear. "Confesso que estava meio receosa de voltar, depois de três anos e pouco parada. A vida estava redondinha, em termos de rotina", contou a atriz, que hoje está com 32 anos de idade. Segundo a atriz, os únicos que costumam pedir para tirar fotos são os brasileiros. Isso porque os portugueses são mais acanhados e educados.

Comentários nas redes sociais sobre destino de Joana

Nas redes sociais, o assunto repercutiu rapidamente e deu o que falar. Muitos foram os que elogiaram Balaguer. "Ela é que está certa. Brasil, eu amo meu país, mas iria embora se tivesse uma oportunidade. Tem lugares lindos fora do Brasil, aqui a corrupção é que manda.

Publicidade

Você só ouve sobre isso, desemprego, saúde ,educação... Fora é outra cultura e as pessoas têm os seus direitos respeitados", disse uma internauta, ao comentar a decisão de Joana em mudar de país.

Já outro internauta questiona se a atriz está mesmo tão feliz, como diz estar, após ficar tanto tempo longe de sua terra natal. "Cada um sabe aqui que faz, mas um atriz bonita e poderia esbanjar talento aqui no Brasil e ir viver em Portugal? Gente, que tristeza de vida. Mesmo cuidando do filho e tendo marido, poderia muito bem ser muito feliz em seu país, tantas praias, tanto sol, arquitetura moderna que aqui temos... Eu hein, sei não", escreveu ele na rede social.

E você, o que pensa sobre a decisão da profissional da dramaturgia? Deixe o seu comentário. Ele é sempre importante e ajuda no diálogo de temas diversos para a sociedade. Não deixe de participar, já que assim sabemos se os assuntos aqui abordados estão sendo aprovados ou não por nossos leitores. #nostalgia #É Manchete!