Marcos Harter, ex-participante do #Big Brother Brasil 17, escreveu, na manhã desse sábado, uma carta que esclarece ao público todas as circunstâncias que motivaram o término do se relacionamento com Emilly Araújo. Ele usou das suas redes sociais para escrever um "textão" dizendo por quais motivos quer se manter bem distante da moça. No texto, o médico fez um resumo de toda a sua participação no reality. Ele traçou uma linha desde o seu primeiro dia na casa até o último dia que foi expulso pela produção do programa.

Marcos inicia a carta fazendo um juramento pela sua família que tudo que seria escrito por ele é a mais pura verdade.

Publicidade
Publicidade

Ele relembra que, no início, Emilly não dava nenhuma chance para ele se aproximar, ela sempre tentava se manter distante. Mas, segundo ele, com o tempo, o carinho e o afeto que ele lhe proporcionava foi trazendo ela mais para perto. Ele diz que todos os dias colhia flores do jardim da casa e dava a ela.

O doutor disse que curtiu muito todas as noites que dormia com ela, até mesmo naquele dia que ela exagerou na bebida e acabou tendo que ser medicada. "Curti todas as noites que dormi com você, inclusive aquela na qual você exagerou com o baldinho e, por ironia do destino, tivemos que dormir com outro balde na cama", disse.

O médico avaliou sua passagem no programa como o que considera como mais correto, no entanto, confessa que também cometeu erros. Ele diz que foi muito autêntico na maior parte do tempo que se manteve confinado.

Publicidade

"Acertei. Cometi erros. Pedi perdão por eles. Fui solícito com todos. Elogiei atitudes e participantes sem medo de que isso pudesse beneficiar alguém no jogo", escreveu.

Marcos disse que se lembra exatamente do momento em que Emilly começou a agir com frieza com ele. Ele relata que, após o paredão com Marinalva, ele, assim como os outros participantes, puderam ouvir os gritos da sua torcida. "É, campeão". A partir desse momento, segundo ele, Emily deixou de o enxergar como um namorado e passou a vê-lo como um adversário.

Por fim, Marcos diz que não pôde acreditar quando foi ao confessionário pela última vez e descobriu que ela havia pedido à produção pela sua saída do programa. 'Você estava armando contra mim', escreveu. No entanto, mesmo sabendo de tudo isso, decidiu esperar pelo menos um cumprimento na final do programa, todavia, segundo ele, nem isso recebeu. Em nenhum momento, ele disse que gostaria de ouvir desculpas da ex, no entanto, ele a aconselha a se desculpar com a falecida mãe dela, que morreu um mês antes da estreia do programa.