Com a saída de Marcos, Emilly fica muito mais isolada na casa, que agora só tem três mulheres. A gaúcha não conseguia parar de chorar durante toda a noite e início da madrugada da noite desta segunda-feira (10), momento em que Marcos Harter foi chamado ao confessionário, e de lá não retornou mais ao confinamento dentro do BBB 17.

Com o brother eliminado, a final está formada exclusivamente por mulheres nesta edição do BBB. As três que chegaram à final após esse episódio trágico garantem a primeira final feminina do BBB, algo que nunca havia acontecido antes. Vivian, Ieda e Emilly disputam o prêmio que será entregue nesta quinta-feira para uma das três.

Publicidade
Publicidade

Quem ficou duplamente arrasada com tudo que aconteceu foi Emilly, que chorava sem parar no momento em que Tiago Leifert anunciou que Marcos não fazia mais parte do jogo.

O jogador foi retirado da casa depois que a delegada da Delegacia das Mulheres no Rio de Janeiro procurou a produção do Big Brother Brasil para exigir explicações da agressão que foi ao ar no sábado (9). Segundo Tiago Leifert, não precisava de Emilly denunciar a agressão contra ela para que a Delegacia das Mulheres agissem. Após a delegada comparecer no Projac, o cirurgião plástico foi eliminado do programa na reta final. O brother agrediu Emilly durante o programa diversas vezes, e não sobrou outra alternativa para a produção que não fosse acatar as ordens das autoridades.

Poucos minutos antes do programa ir ao ar, Marcos foi chamado no confessionário para conversar.

Publicidade

Como o brother não suspeitava o que poderia acontecer com ele, nada foi levado consigo, que após entrar no confessionário não pode mais retornar para a casa. Mas, parece que Marcos ainda não foi eliminado, pois o jogador continua confinado em um hotel ao lado dos estúdios da Globo após deixar o programa.

Marcos ficará no hotel até quinta-feira e está proibido de dar entrevistas ou de sair sozinho do local. O brother está sendo protegido pela Globo que teme que alguma declaração vaze, podendo atrapalhar a final do BBB 17. O cirurgião plástico ainda não aceitou muito bem a eliminação do programa, pois Marcos acreditava que ficaria em segundo lugar, onde ele poderia receber uma boa premiação por sua colocação.

Para o participante eliminado, sua expulsão não possui justificativa, mesmo após as câmeras flagrarem ele agredindo Emilly, que também não quer fazer nenhum queixa contra o brother. O participante deve ir a final para encontrar Emilly, que está desesperada por notícias de seu par que acabou sendo eliminado por ter agredido-a. #BBB Big Brother Brasil