Mais de quinze dias depois da grande final do 'Big Brother Brasil', o programa ainda provoca sérias polêmicas no noticiário. Nesse fim de semana, por exemplo, o laudo médico que expõe a verdade sobre as marcas no corpo de Emillly Araújo acabou sendo vazado por um perfil do Twitter. Tal perfil seria de um fã de Marcos Harter, acusado de agredir a sister, que acabou levando para casa o prêmio de um milhão e meio de reais do reality show da Rede Globo de Televisão. O relatório, que diz onde estão os hematomas da sister foi assinado por Elmo Marques Carneiro Filho, médico especializado em atendimentos ginecológicos e partos.

Os fãs do reality show questionaram o fato do documento não ter sido assinado por um perito criminal e ainda evidenciaram algumas questões que aparecem no documento.

Publicidade
Publicidade

O médico não gostou do vazamento, que fere a ética da medicina. Cansado de tudo isso, como mostra uma reportagem da Revista Veja, ele decidiu reagir e deve processar Marcos pelo conteúdo exposto na internet. Basta saber se o cirurgião plástico pode mesmo ser responsabilizado por um conteúdo que está disposto na internet e que não foi publicado por uma de suas redes sociais oficiais. O processo contra Marcos, segundo o site da Veja, já teria sido aberto nessa sexta-feira, 29. O site lembrou que o médico do BBB, acusado de agredir Emilly, sequer replicou a publicação.

O laudo assinado pelo ginecologista do reality show acabou servindo de prova para que Marcos fosse indiciado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro. Na ocasião, além do doutro Elmo, a delegada Viviane da Costa, da Delegacia da Mulher de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, também esteve no confinamento.

Publicidade

Viviane disse que o documento do médico aliado às imagens exibidas no Pay per view do 'Big Brother Brasil' são elementos mais do que suficientes para que Marcos seja indiciado pela Lei Maria da Penha. Além da polícia, o Ministério Público do Rio de Janeiro também enviou uma representação, na qual fala sobre o episódio

Marcos ainda não se pronunciou pelo fato do médico do reality decidir processá-lo. Já o advogado do doutor Elmo lembra que ele não vai comentar a ação judicial, mas que, em anos de profissão, sempre respeitou o sigilo, mandando uma indireta para Harter. Acredita-se que Harter tivesse acesso ao documento e que o tenha enviado para o fã-clube e que, por isso, ele agora estivesse sendo processado mais uma vez. E você, o que achou dessas decisões? Comente! #BBB 17 #Famosos