Para quem esperava que o ano de 2017 fosse diferente do ano passado no que diz respeito a tragédias, desilusões políticas e notas de falecimentos de famosos e não tão famosos assim, infelizmente, não é o que está acontecendo. Na madrugada deste domingo (30), morreu um dos ícones da MPB (Música Popular Brasileira), o talentoso #Cantor #Belchior, qué marcou gerações com as suas boas músicas e composições.

Belchior nasceu na cidade de Sobral, no Estado do Ceará, oriundo de uma família tradicional de músicos, poetas e boêmios, tendo trabalhado, quando jovem, como poeta repentista e cantador de feira, mas alcançou o sucesso mesmo nos anos 70 com a canção "Apenas um rapaz latino americano”, que se tornou o hino principal de sua carreira.

Publicidade
Publicidade

Também foi o protagonista de inúmeros outros sucessos musicais, como "Coração Selvagem", "A Palo Seco", "Tudo Outra Vez", "Divina Comédia Humana" e mais de uma centena de outras composições.

Muito embora a família do cantor ainda não tenha divulgado o que causou a morte do astro, o governo do Estado do Ceará se manifestou prontamente no anúncio de que o corpo da personalidade será conduzido para a sua terra natal, a fim de que lá possa ser velado e enterrado como mais um filho ilustre das terras cearenses.

Inclusive, foi decretado, em caráter oficial, luto de três dias pelo falecimento inesperado de Belchior. Tanto é assim que Camilo Santana, governador do Ceará pelo PT (Partido dos Trabalhadores), disse ter ficado bastante pesaroso com a notícia trágica da perda do cantor e compositor, acima de tudo um grande brasileiro.

Publicidade

O Ceará só está aguardando que as autoridades gaúchas liberem o corpo de Belchior, o que deve acontecer ainda neste domingo, embora não haja a confirmação de uma hora específica para tal.

Túlio Sudart, coronel da Polícia Militar, que é também o atual chefe da Casa Militar do Ceará, contatou o colega, homólogo da Casa Militar do Rio Grande do Sul, para tratar de assuntos referentes ao laudo conclusivo sobre a #Morte, a princípio, sem maiores avisos de Belchior.

Enfim, o calar da voz de Belchior é mais uma dessas perdas irreparáveis aos amantes da boa música e fãs de um sujeito que era "apenas um rapaz latino-americano". Descanse em paz Antônio Carlos Gomes Belchior Fontenelle Fernandes ou, Belchior, como era conhecido.

Veja apresentação especial de Belchior cantando 'Apenas um Rapaz Latino-americano'.