A temporada revival de 'Prison Break' têm caminhado aos poucos para mostrar a que veio, e no episódio que foi exibido na última terça-feira, "The Prisioner's Dilemma" - praticamente o meio da quinta temporada que contará somente com nove episódios - o público foi forçado a se despedir do personagem Paul Kellerman. O agente secreto de caráter e intenções duvidosas estava presente desde a primeira temporada do seriado, o que entristeceu muitos fãs.

Aviso: o texto a seguir contém spoilers do episódio 5x04 de Prison Break, "The Prisioner's Dilemma" e os demais episódios.

Recentemente, em entrevista ao The Hollywood Reporter, o criador e showrunner do seriado, Paul Scheuring, comentou que a morte de Kellerman foi pra valer, e que aquele foi o último suspiro do personagem.

Publicidade
Publicidade

Todavia, o roteirista já havia dito a mesma coisa de #Michael Scofield anos atrás, e no entanto, ele está muitíssimo vivo.

"Esse sempre foi um desejo meu. Sangue. Se você está disposto a matar algum personagem, e tem uma sequência, como Prison Break teve, você começa a pensar em qual ou quais outros personagens podem ser sacrificados. E a partir desse pensamento, as cenas são construídas com muito mais apreensão, afinal, o público está ciente que queremos mais pessoas mortas. Quando eu comecei a roteirizar a quinta temporada, sabia que ao menos dois personagens importantes deveriam morrer. Para o início, a morte de Kellerman foi ótima, afinal, ele estava muito próximo da verdade pelo lado do governo [sobre a situação verdadeira de Michael Scofield]", explicou Paul Scheuring.

Seu discurso apontou que outro importante personagem deve se despedir do público ao longo dos próximos episódios, todavia, Scheuring desviou enigmaticamente do assunto, e optou por não dar mais detalhes: "Propositalmente eu vou me abster de comentários, mas sim, outras mortes virão".

Publicidade

O showrunner pontou ainda que a despedida de Kellerman precisava ser em grande estilo, já que seu desenvolvimento começou desde a primeira temporada e o mesmo evoluiu muito com o passar do tempo.

"Nós precisávamos ter certeza que Kellerman se foi com sabedoria e uma certa integridade. Trabalhar com Paul Adelstein sempre foi uma enorme alegria. Existem alguns atores que sabem construir uma cena expositiva extremamente críticas e de forma dinâmica. Ele literalmente destruiu algumas destas cenas", finalizou Scheuring.

A nova temporada de Prison Break contará com um total de nove capítulos, com exibições inéditas a cada terça-feira, às 23h na #Fox. #PrisonBreak