Michael Jackson marcou a humanidade por ter sido o 'Rei do Pop'. Morto aos 50 anos, muitos boatos cercam sua morte. Um deles seria de que o astro não teria falecido. Fotos de um homem com o rosto com escamações chegam a ser ligadas ao cantor, mas na verdade, isso só não passa de brincadeira de fãs. No entanto,a filha de 18 anos do artista, Paris, decidiu, recentemente, dar uma entrevista para a famosa revista 'Rolling Stone'. À publicação, Paris reabriu uma polêmica e chegou a dizer que a morte de seu pai seria uma "armação" e que haveria pistas sobre uma conspiração que estava sendo criada em torno do assunto.

De acordo com ela, muita gente queria ver o seu pai morto.

Publicidade
Publicidade

Ela diz que um dos culpados pela morte de #Michael Jackson é o médico que cuidou dele. No entanto, Paris também fez acusações contra a agência AEG, que, na época, promovia os shows de cinquenta anos do artista. O médico já está preso e uma longa batalha judicial vem se travando desde 2009, quando MJ sai da vida e entrou na história.

A Reviravolta e um novo apontado em culpa

Agora, em uma série de shows do Channel 5, da Grã-Bretanha, foi mostrado todo o caminho de Michael, desde seu início, com os Jackson Five, até sua morte e foram divulgadas conclusões importantes. Sem dúvida, uma ótima pedida para quem curte muito a história da música é assistir a tudo isso. Em fevereiro, a Revista Monet chegou a fazer uma ampla reportagem sobre o cantor, dizendo que, no ano de sua morte, ele estava prestes a entrar na falência.

Publicidade

Essa pode ser uma das explicações para que ele tenha aceito fazer os inúmeros shows, mesmo sabendo que estava com a saúde completamente debilitada.

Agora, em torno dessa informação, a produtora dos shows de MJ pode ser acusada pelo fato de o estar instigando a ter uma estafa física e mental. E você, o que achou das revelações que podem mudar as investigações sobre os culpados da morte de Michael Jackson? Deixe o seu comentário. A sua opinião é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo de temas relevantes.