Algo muito estranho aconteceu no caso #José Mayer. Segundo o Fofocalizando, apresentado na tarde desta sexta-feira, 28, a figurinista Susllem Meneguzzi Tonani, conhecida como #Su tonani, decidiu não prestar queixa e depor contra José Mayer. O que mais estranhou os jornalistas do programa é que a mulher procurou o próprio Leo Dias para fazer a denúncia. O colunista divulgou o assunto um mês antes do caso José Mayer ganhar os holofotes.

E agora, ela não mais atende a imprensa, nem mesmo o próprio Dias. Segundo ele, Su Tonani trocou todos os números de telefone e nem mesmo a polícia teve facilidade de contactá-la.

A decisão de Su Tonani de não levar a frente a denúncia contra o José Mayer assustou também os internautas que acompanhavam o caso.

Publicidade
Publicidade

Segundo os meios de comunicação, ela compareceu a Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro, nesta quarta-feira, 26, e pediu para que o #processo não evoluísse. Com isso, e diferente do caso Marcos do BBB17, o processo foi encerrado.

Aqui cabe uma explicação. O caso de Su Tonani trata de assédio sexual, que, segundo as leis brasileiras, exige além da denúncia da vítima a comprovação. Já no caso de Marcos Harter, a denúncia é de agressão, enquadrado na Lei Maria da Penha, que mesmo sem a denúncia da vítima, mas com a comprovação (que houve com as imagens e depoimento de Emilly), o processo pode prosseguir.

Depois de três 'convites' e uma intimação oficial feita pela 32ª Delegacia de Polícia, na Taquara, Zona Oeste do Rio de Janeiro, sem o comparecimento da vítima e diante do pronunciamento oficial de Su junto a promotoria que não gostaria de levar o caso adiante, o processo será encerrado.

Publicidade

O encerramento do caso foi confirmado pelo delegado Rodolfo Waldeck ao UOL. Ele ainda afirma que esse é um direito da vítima.

Su Tonani, que tem 28 anos, mobilizou o Brasil ao denunciar o assédio sexual vindo de um dos maiores atores da Rede Globo, Jose Mayer. Segundo ela em carta aberta a uma coluna da Folha de S. Paulo, o ator começou a assediá-la durante as gravações da novela que foi protagonista e culminou no ato em que Mayer tocou em suas partes íntimas. A partir daí ela resolveu denunciar. Artistas subiram a hashtag #mexeucomumamexeucomtodas, fizeram camisetas e uma campanha pedido providências da emissora.

A pressão foi tanta que Mayer resolveu também fazer uma carta aberta mostrando seu arrependimento sobre o caso e se acusando do assédio.

Os internautas, pasmos, levantaram várias hipóteses sobre o caso, que enquanto não for esclarecido pela vítima, continuará gerando especulações. Desconfiam que o silêncio foi comprado, também a chamaram de covarde. Veja a repercussão.

Mais reações criticando a postura da vítima