Recentemente, #Valesca Popozuda concedeu uma entrevista ao programa de fofocas TV Fama, exibido pela emissora Rede TV!, e fez uma revelação bizarra que rendeu inúmeros comentários. De acordo com a funkeira, o fato de ela ter apoiado e torcido publicamente para a gaúcha Emilly vencer o reality show Big Brother Brasil 2017 acarretou em uma perda considerável de seguidores em suas redes sociais.

Popozuda atribui à torcida por Emilly como o principal fator de muitos fãs terem deixado de segui-la. Segundo Valesca, “numa madrugada eu perdi três mil seguidores no Twitter.”

Incomodada com o abandono dos seguidores, ela mandou um recado aos fãs que criticaram demasiadamente sua torcida para Emilly: “A gente tem que saber respeitar a opinião das pessoas.”

Big Brother Brasil 2017

Considerada a edição mais polêmica de todas as produzidas por Boninho e equipe para a Rede Globo, o BBB, que vem sendo apresentado anualmente pela emissora desde 2000, a 17ª edição continua sendo um dos principais assuntos em todo o Brasil.

Publicidade
Publicidade

O #bbb17 desbancou todos os seus recordes anteriores e até o presente momento é a edição mais rentável e assistida no país. O reality show, que foi apresentado durante 16 anos seguidos por Pedro Bial, teve a edição de número 17 comandada por Tiago Leifert.

A grande vencedora do BBB17 foi a estudante gaúcha Emilly Araújo, de 20 anos. Ela, que sem dúvidas foi a protagonista do programa, estampa tanto as manchetes de celebridades quanto as policiais, devido a um episódio de agressão sofrido por ela dentro da casa.

Ela, que durante o confinamento manteve uma conturbada relação amorosa repleta de discussões e trocas de farpas com o cirurgião plástico Marcos Harter, de 37 anos, foi agredida por ele durante a última briga do casal, que aconteceu na madrugada do dia 10 passado durante a festa “Emoções”.

Publicidade

Marcos, que enfurecido com alguns questionamentos da namorada, a segurou fortemente pelos braços e pulsos durante uma discussão. Ele foi expulso do programa pela conduta indevida. Fora da casa do BBB, o médico foi intimado a comparecer à Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Jacarepaguá, zona oeste do Rio de Janeiro no último dia 12.

Emilly, que deixou o confinamento no dia 13 como a grande vencedora da edição e dona do prêmio de R$ 1,5 milhão, foi ouvida dia 17 e teve seu depoimento colhido pela delegada-titular da Deam, Viviane Costa Ferreira. O inquérito já foi encerrado e enviado ao Ministério Público do Rio, que apresentou denúncia na Justiça contra Marcos Harter por agressão a Emilly. #Emilly BBB17