A cantora #Janet Jackson está separada do marido, Wissam Al Mana. Menos de quatro meses depois de serem pais pela primeira vez, o casal terminou o #Casamento. Janet, de 50 anos, viveu a experiência da maternidade pela primeira vez, junto com o milionário do Qatar, o muçulmano Wissam, de 42 anos.

Os dois se casaram em 2012, foram pais já em 2017, mas surgem agora vários motivos que teriam levado à separação, depois de uma união que fez a irmã de #Michael Jackson ir contra a vários de seus princípios, como a religião e a sua carreira. Janet viveu uma transformação dramática.

A imagem de cantora atrevida, que chegou a revelar bem mais do seu corpo sobre o palco, mudou completamente.

Publicidade
Publicidade

Após o casamento com o multimilionário, ela teria se convertido ao Islã para apaziguar seu marido. Por isso, ela se vestia de acordo com a nova religião, escondendo quase todo o seu corpo.

A cantora foi vista pela última vez com o marido em 2016, em Londres, na Inglaterra. A beldade estava grávida de seis meses de sua filha Eissa quando foi vista com um longo vestido, que cobria tudo, desde a cabeça até aos pés. Supostamente, esse vestido da Adidas seria um vestido muçulmano.

Um amigo do casal revelou, agora, a notícia da separação: "Infelizmente, Janet e Wissam decidiram que não estava funcionando e seguiram caminhos separados", revelou em declarações citadas pelo jornal britânico Daily Mail.

Alegadamente, a separação será amistosa.

Publicidade

Nessa fase inicial, eles teriam decidido que Janet vai ficar em Londres, com a filha, enquanto que Wissam vai retornar a seus negócios, em Nova Iorque e no Qatar. "Os dois são pessoas ocupadas, mas estão decididos a ser bons pais, mesmo que estejam separados", disse o amigo.

Casamento abusivo?

Apesar de alguns relatos menos preocupantes, começa a se especular que Janet estaria em um casamento controlador, infeliz e abusivo e que estaria desesperada para escapar já há algum tempo.

Algumas fontes adiantam que havia um "choque de culturas" separando os dois, o que veio se agravar após o nascimento da bebê. Enquanto Janet teria uma visão mais prática e flexível sobre a maternidade, Wissam, que tem uma fortuna avaliada em US$ 1 bilhão (R$ 3,1 bilhões), tem opiniões mais rígidas. Ele teria colocado pessoal 24 horas por dia para tomar conta da esposa e da filha.

Supostamente, ele teria proibido Janet de sair de casa, enquanto a bebê estivesse na fase de amamentação e, por essa razão, a bebê nunca foi vista em público.

Publicidade

Nos últimos anos, Wissam já estaria controlando muito a esposa, mesmo na sua imagem e nos seus shows, o que estava forçando Janet a perder sua personalidade, e que a estaria deixando "louca".

No entanto, tudo teria piorado, quando ela ficou grávida, com o controle aumentando mais ainda, se tornando em obsessão, de acordo com algumas fontes.

Acordo pré-nupcial milionário?

Existem ainda outras polêmicas envolvendo esta separação, como a da suposta existência de um acordo pré-nupcial em que Janet receberia US$ 500 milhões (R$ 1,55 bilhão), caso o casamento terminasse após cinco anos, precisamente o tempo que está se completando neste ano, mas que poderia já nem valer, quando o divórcio sair.

No entanto, a imprensa diz que Wissam terá que beneficiar a mãe da sua filha no momento da separação. Ele tem uma fortuna avaliada em cinco vezes mais que a da cantora, de acordo com o site de celebridades TMZ.