A morte repentina de um jornalista da TV Correio, filiada da Record TV, mexeu com o público. Jota Júnior tinha 52 anos e era muito conhecido pelo público da Paraíba. Por lá, ele apresentava a versão local do 'Cidade Alerta'. Há cerca de um ano, no entanto, a vida do homem começou a ficar marcada pelos problemas de saúde e ele teve que se afastar da telinha para se cuidar. Ainda no ar, Jota contou aos telespectadores que tinha uma doença pulmonar e que essa estava ficando mais grave. Por isso, ele teria que passar por um tratamento. Mais tarde, descobriu-se que Jota, na verdade, necessitava mesmo era de um transplante de pulmão.

A sobrinha do radialista foi quem confirmou a informação à imprensa.

Publicidade
Publicidade

Beatriz disse que o seu tio não resistiu ao voo e que se sabia que essa era uma possibilidade. Ele até chegou com vida a um hospital de Minas, mas não resistiu por muito tempo no local.

Jota foi prefeito da cidade de Bayeux, onde nasceu, no ano de 2004. Quatro anos depois, ele foi reeleito, ficando no mandato até 2012. Como os problemas de saúde apareceram, ele não quis tentar novos cargos públicos. Ainda não há dados sobre o sepultamento e velório, a não ser que, ambos atos de despedidas acontecerão na cidade natal do comunicador. Um último vídeo feito por ele foi divulgado nesta terça-feira, 25.

No vídeo, que está emocionando muitos fãs, Jota Junior aparece com um aparelho respiratório dentro da aeronave. Ele agradece ao carinho de todos e manda um beijo para o estado da Paraíba, onde é muito querido.

Publicidade

Minutos depois, o coração dele teria problemas no voo. "Continuem orando por mim e até a volta, se Deus quiser. Um abraço a todos da Correio, obrigado por tudo", disse o comunicador dentro da aeronave. O vídeo foi gravado na tarde de domingo, 23, apenas algumas horas antes de Jota Júnior falecer.

Veja abaixo o último vídeo gravado pelo apresentador da TV Correio. Jota Júnior estava viajando da Paraíba para o Rio Grande do Sul em busca de um transplante de pulmão, mas acabou tendo uma parada cardíaca e o avião onde estava fez um pouso de emergência em Minas Gerais, onde ele veio a falecer.

A morte do apresentador mexeu com os fãs, que usaram as redes sociais para se despedirem. Alguns relataram que, pelo menos, ele havia parado de sofrer. Outros disseram que estavam orando por sua alma e teve também quem escreveu que, a partir de agora, o importante era cuidar dos que ficaram, prestando todas as condolências possíveis à família e também aos amigos do comunicador. #Famosos