Após a saia justa envolvendo Taís Araújo e Ana Maria Braga, em que a atriz se recusou a comer um prato oferecido pela apresentadora, a hashtag ##EuNãoComo bombou na rede social Twitter, nesta terça-feira (16).

Ao se recusar a comer o prato, à base de abóbora, na edição de segunda-feria (15) do programa Mais Você, da Rede Globo, Taís causou constrangimento na apresentadora da atração e acabou sendo alvo de críticas nas redes sociais.

Ao repercutir o assunto, nesta terça-feria, o Twitter lançou uma espécie de enquete perguntando aos internautas que tipo de alimento eles não comeriam, em hipótese alguma: fígado, uva passa, abóbora ou pouca comida.

Publicidade
Publicidade

Não demorou muito e a hashtag #EuNãoComo começou a bombar na rede social e muitas manifestações em defesa de #Taís Araújo começaram a aparecer entre os tuiteiros de plantão.

Até a apresentadora #Ana Maria Braga entrou na brincadeira e pediu para que seus telespectadores comentassem sobre o que não gostam de comer, usando a hashtag #EuNãoComo, na manhã desta terça-feira.

Fígado de boi

No Twitter, muita gente aproveitou a oportunidade para falar sobre os tipos de alimentos que não gosta de comer. O fígado de boi, alimento rico em vitaminas e bastante comum na alimentação de crianças com problemas de anemia, foi um dos alimentos mais lembrados entre os internautas.

Segundo o chef Patrick Martin, embaixador internacional do Instituto Le Cordon-Bleu, uma das mais famosas escolas de gastronomia do mundo, o fígado é rico em vitaminas A, B12, B5, B6 e C, ácido fólico, selênio, zinco, cobre e selênio, sendo capaz de suprir 50% das necessidades diária de proteínas de um ser humano.

Publicidade

Mesmo diante de todos os benefícios que proporciona, o alimento não agrada grande parcela da população e tem gente que até já decretou ódio pelo fígado.

Apesar de afirmado que gosta de fígado, por meio de suas redes sociais, a atriz Taís Araújo figurou entre os principais memes postados pelas pessoas que têm "nojinho" desse tipo de alimento.

Ideologia de gênero e política

Mas, nem só alimentos figuraram entre as coisas que os internautas confessaram não comer. A ideologia de gênero e a política também deram o tom dos discursos.

O polêmico Joaquin Teixeira não perdeu tempo em dar uma cutucada nas feministas.

Não faltaram gozações e brincaeiras de mal gosto com a deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ), pelo suposto envolvimento em atos de corrupção.

Publicidade

As piadas com a Operação Lava Jato e o nome do ex-presidente Lula não foram poucas. Neste tuíte, o molusco é associado ao petista, mas na forma "corrompida".

Falando de coisa séria

A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura aproveitou a hashtag para falar de um assunto muito sério: a fome no mundo.

Enquanto muitas pessoas têm a chance de recusar certos tipos de alimento, 800 milhões de pessoas em todo o mundo não têm acesso a alimentos e passam fome. Isso representa 1 entre 9 pessoas no mundo. "Erradicar a fome até 2030 é um objetivo global #EuNãoComo", escreveram os representantes do organismo, por meio da rede social.